Você está aqui: Home Cotidiano Carnaval politicamente engajado no Acre

Carnaval politicamente engajado no Acre

Temas de problemas cotidianos com cores e alegria

Prevenção à gravidez na adolescência, doenças sexualmente transmissíveis e combate às drogas, serão temas abordados por bloco de carnaval de Rio Branco. O grupo é formado por uma ONG que não trabalha só na festa carnavalesca, mas nos 12 meses do ano.

Em um dos espaços do Centro da Juventude do bairro São Francisco há um mês, ensaiam os integrantes do bloco SPB, que significa: Saúde e Prevenção no Barão.

O grupo é formado por membros de uma ONG que tem objetivo de tirar a juventude da ociosidade, através de projetos de dança música e teatro. Segundo o presidente da ONG SPB, tudo começou em 2009 na Escola Barão do Rio Branco, o CERB, quando a comunidade escolar descobriu um alto índice de gravidez na adolescência. O tema chamou outro e outro.

"A gente resolveu montar um grupo, trabalhar na prevenção com a importância do uso da camisinha, doenças sexualmente transmissíveis. Queremos mandar abraço aos 22 municípios e hoje estamos lá através do teatro e hoje a ONG está com seus núcleos tratando da prevenção e combate às drogas", explicou o presidente da ONG e maestro carnavalesco, Chico Rafael.
Chico Rafael, além de presidente da ONG é maestro da bateria. Ele é só empolgação nos ensaios.

Além do bloco de carnaval, o projeto também trabalha durante o ano todo com ensaios culturais e palestras que tratam da conscientização sobre diversos temas que afligem a juventude. Participam pessoas de outros bairros, mas a maioria é da região do São Francisco. Entre os membros da ONG estão enfermeiro, biomédico, contador e estudantes.

"O nosso bloco trabalha essa questão prevenção e os jovens aqui da comunidade do São Francisco vai levar um pouquinho através do carnaval um pouquinho de conscientização pra galera que vai curtir o carnaval", disse Alana Manchineri.

O bloco SPB vai se apresentar na próxima terça-feira, no Mercado Velho, com participação de aproximadamente 200 pessoas.
"Vai ser comissão de frente, rainha de bateria, 50 ritmistas de bateria, passitas, mestre sala, porta bandeira, com tema prevenção e importância do uso da camisinha que é um pouco do que a gente trata na nossa ONG", enfatizou Rafael.

agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081

Fique Conectado