Você está aqui: Home Cotidiano Hélio Melo renasce no Acre com “Origens”

Hélio Melo renasce no Acre com “Origens”

Dança dramatiza o surrealismo de um conhecido rabequeiro

O artista plástico Hélio Melo está de volta à cena da produção cultural. Não mais em telas e pinceladas que levaram o surrealismo acriano para os salões mais prestigiados do país, mas em forma de dança. Assinado pelo grupo “Nois de casa”, criado na Universidade Federal do Acre, o espetáculo “Origens” ecoa a rabeca do artista plástico em forma e ritmo singulares.

O trabalho tem essência acadêmica: na proposta, é possível perceber experimentos cênicos que podem causar algum estranhamento ao público pouco habituado ao jogo dramático contado por meio de sons e dança. Mas, o grupo segue coerente ao trabalho que já desenvolve há sete anos.

O trabalho de maior repercussão regional representado pelo “Nois de casa” veio de um texto de Ariano Suassuna. “O Santo e a Porca” chegou até o Juruá, na inauguração do Teatro Universitário do Môa, em Cruzeiro do Sul.

“Origens - uma homenagem a Hélio Melo” já fez cinco temporadas. “Agora dia 13 de julho encerraremos as apresentações desse espetáculo para realizar uma turnê fora do país”, informa Adriana Maria, produtora teatral.

A última apresentação da peça acontece no próximo dia 13 (próxima sexta-feira), no Teatrão, às 8 horas da noite. Os ingressos custam R$ 20 (inteira) e R$ 10 para estudantes.

 

agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081

Fique Conectado