Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019
Você está aqui: Home Cotidiano Conheça mais sobre a doença de chagas

Conheça mais sobre a doença de chagas

Médico infectologista Thor Dantas tira dúvidas sobre a doença

Após a Secretaria Municipal de Saúde divulgar que o açaí do Mercado Elias Mansour foi detectado como contaminado pelo protozoário que causa a doença de Chagas, centenas de pessoas que ingeriram o produto passaram por exames para saber se estão com a doença.

Transmitida pelas fezes do inseto conhecido como barbeiro, a doença de Chagas é mais comum na região amazônica.

O médico infectologista, Thor Dantas diz que muitas vezes o indivíduo não sabe que se infectou tomando açaí e só vai descobrir muitos anos depois quando já está doente.

“Quando se transmite pela picada ou pela ingestão de alimentos contaminados fezes do barbeiro podem causar duas síndromes conhecidas, uma febre onde a vítima procura o serviço de saúde por conta de uma febre prolongada que não passa, ou apenas manifestações que vão ocorrer muitos anos após a infecção. Geralmente um problema de coração ou de intestino”, afirma o médico.

O infectologista explica que se alguém tomou açaí e teve febre deve procurar imediatamente o serviço de saúde para fazer o diagnóstico e tomar o remédio para tratamento específico. “Mas você que não sente nada, mas é consumidor do açaí, vale a pena fazer o exame pelo menos uma vez para ter certeza que não se infectou”, declara.

“Para quem possui a doença existe uma medicação que é a base de comprimidos, são tomados num período de mais ou menos 60 dias e depois é realizado um exame para ver se está curado”, diz Dantas.

É muito importante que todos que tenham a doença comecem o tratamento porque se não evolui para graves doenças cardíacas e intestinais.

agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081

Fique Conectado