CABECALHO-GAZETA-ESPORTIVA

Terça, 23 Outubro 2018 23:15

O caso Diego Alves. Por que brasileiro só é profissional na Europa?

Written by 
Rate this item
(0 votes)

231018-esporte-diegoalves-portalterraDiego Alves não se pronunciou sobre a recusa de ir para Curitiba

A temporada 2011/12 foi boa para o Valencia. Terceiro colocado na Liga Espanhola, semifinalista da Copa do Rey e da Liga Europa, para a qual se classificou por causa da eliminação precoce, na fase de grupos da Champions League. No campeonato nacional, o goleiro titular era Guaiata, com 26 jogos disputados. Seu reserva, Diego Alves, 12 partidas.

O atual goleiro do Flamengo era titular na Copa do Rey e Liga Europa, na liga esperava no banco de reserva.

Curioso que o comportamento de jogadores brasileiros seja diferente quando se está no Brasil ou na Europa. O discurso repetido de que se desenvolvem taticamente e aprendem com o comprometimento imposto pelos times de lá contrasta com episódios de quem volta para cá. Até mesmo na parte tática.

Ou você acha que Alexandre Pato mostrou no Milan a evolução tática dos tempos de Milan?

O caso de Diego Alves impressiona. Mesmo que o silêncio seja seu trunfo, porque não se manifestou até agora sobre a recusa a viajar para Curitiba, mesmo que alguém possa discutir se a decisão de Dorival Júnior estava correta ou equivocada, com tudo isso cabia ao goleiro do Flamengo atender ao pedido da comissão técnica, respeitar o colega César e sentar-se no banco.

A solução para o Flamengo é simples. Resolver a questão, mostrar a Diego Alves que a decisão é do técnico e mantê-lo no elenco para criar a disputa entre dois bons goleiros: César e Diego.

Melhor dois do que nenhum, como se mostrou há um ano, quando o Flamengo precisava confiar em Muralha e Thiago.

Senildo Melo é cronista esportivo. Assina a coluna Gazeta Esportiva no site AGazeta.Net e a coluna Balanço Esportivo, no programa Balanço Geral, na TV Gazeta.

Read 138 times

agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081

Fique Conectado