04 Janeiro 2017 Written by 

O deputado Werles Rocha (PSDB), vice-líder do governo na Câmara dos Deputados, não tem papas na língua. Ele ocupou a tribuna, numa das últimas sessões, antes do recesso para dizer em alto e bom tom que não vai votar a favor da Reforma da Previdência

Martelo batido

A candidatura do coronel Ulisses a uma vaga no parlamento estadual, pelo PSDB, não é mais uma probabilidade. É uma certeza! Apesar de Ulisses ter um percentual de apoio na tropa, inferior ao do antecessor dele, Werles Rocha, é o suficiente para elegê-lo. Com a candidatura do coronel a deputado, e de Rocha para o senado, as atenções do partido se voltam para Luiz Gonzaga. O PSDB o quer como deputado federal, mas, Gonzaguinha, mais interessado na evolução espiritual não está muito interessado em assumir esse desafio.

Piadas de caserna

Anta Bronzeada e Super Ego,seu amigo, são os apelidos que a tropa deu a dois de seus mais visados graduados. Um, continua servil. O outro, chutou o pau da barraca. Mas, têm em comum o fato de um ter casado com a mulher do outro. Fato este,que está na origem da disputa entre os dois e no centro das principais brincadeiras da tropa. Claro, que pelas costas dos dois, que ninguém é louco de afrontar, rss.

É Rodrigo

Rodrigo Maia do DEM é a mais nova referência do PT, PCdoB, PSOL e REDE que se preparam para descarregar seus votos na reeleição do atual presidente. Não pense entretanto que pode se tratar de uma guinada ideológica. É que as alternativas que se apresentam são tão acintosas que esses partidos se vêem obrigados a votar no candidato do DEM, para tirar as chances de Jovair Arantes do PTB, o relator do impeachment de Dilma.

Tábua de salvação

Rodrigo Maia, já acertou com os partidos mais progressistas que dará um jeito de retirar a Cláusula de Barreira, da Reforma Política que será votada na Câmara dos Deputados. Essa cláusula provocaria a extinção de partidos como o PCdoB, PSOL e REDE. Por isso os “progressistas” estão de corpo e alma na campanha de Maia.

Do contra

O deputado Werles Rocha (PSDB), vice-líder do governo na Câmara dos Deputados, não tem papas na língua. Ele ocupou a tribuna, numa das últimas sessões, antes do recesso para dizer em alto e bom tom que não vai votar a favor da Reforma da Previdência, proposta que é a menina dos olhos do presidente Temer. O brilho dos olhos dos parlamentares da oposição agora se enchem de coraçõezinhos quando olham para Tucano, rs.

Maldade

Existem sérias desconfianças que um determinado secretário de estado esteja por trás da nota assinada por um procurador do Ministério Público do Trabalho contra o deputado Raimundinho da Saúde. A coisa é tão evidente, que nem bem uma reportagem sobre o Hospital do Câncer foi publicada, já chegou a nota. Como diz o parlamentar- “ Na luta contra o câncer não deveria haver espaço para disputa de vaidades”. Concordo! Em vez de disputarem holofotes, deveriam unir esforços. É isso que se espera de instituições sérias!



agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081

Fique Conectado