10 Março 2017 Written by 

O vice-presidente estadual do PV convocou uma reunião dos verdes para hoje (10). O objetivo é convencer a diretoria a abandonar a FPA.

Golpe no PV

O vice-presidente estadual do PV convocou uma reunião dos verdes para hoje (10). O objetivo é convencer a diretoria a abandonar a FPA. A revolta de Stênio se deve ao fato de ter sido retirado da Amac com a promessa de ser integrado à administração Marcus Alexandre. A integração nunca aconteceu.

Golpe II

Na verdade, o fogo amigo tenta atingir a presidente estadual do PV, Shirley Torres, bem integrada à administração estadual. O golpe vazou, mas, nos bastidores políticos, foi encarado como mera jogada. O PV é considerado o partido melancia: verde por fora e vermelho por dentro.

Absurdo

Esse presidente do Sindicato dos Motoristas de Ônibus encarna como poucos o velho peleguismo. Ameaçar represálias se a CPI dos transportes investigar a relação da prefeitura com as empresas de transporte coletivo é assumir sem dó nem piedade que é pau mandado das empresas. Pobres dos trabalhadores!

Absurdo II

Não bastam os vereadores venais que querem impedir a investigação, ainda vem o sindicato... Aí a gente se pergunta: “Pra que votar? Pra que pagar sindicato?”

Absurdo III

Deveriam estar todos juntos, prefeito, vereadores e sindicatos lutando para esclarecer essa relação. Quanto mais força fazem para que a investigação não aconteça, mais a população se convence que tem algo muito podre nessa história. A clássica “quem não deve, não teme” cai como uma luva.

Baixou a Dilma

O espírito da presidente afastada, Dilma Rousseff, parece ter baixado no governador Tião Viana (PT), na solenidade de entrega do maquinário para a produção. Ele fez uma salada de macaxeira tão doida, que ninguém sabia se os presentes riam para não chorar ou choravam de rir.

Governo...

Alguém precisa avisar os conselheiros do TCE, que eles não têm poderes para interferir nos atos de governo. Encheram o Tribunal de Contas de políticos e agora eles pensam que são um governo paralelo, desfazendo atos do governo de fato. Daqui a pouco vão querer editar Medidas Provisórias e PECs. Vôte!

... paralelo

Essa de impedirem que o Governo do Estado realize concursos e contratações, em plena época de recessão braba, com o desemprego campeando, pegou muito mal. A população, revoltada, ameaça jogar ovo podre no carro dos conselheiros.

Tribunal

Enquanto era assumidamente um tribunal de faz de conta, o TCE pelo menos não fazia mal. Agora que reza diuturnamente para a santa Lei de Responsabilidade Fiscal, pensa que pode interferir nas prefeituras e no Governo do Estado.

Diplomata

O governador Tião Viana deixou de ser Tião Viana por um dia. Era visível o esforço em manter o decoro quando se pronunciou em coletiva sobre a decisão do TCE de proibir o Governo do Estado de realizar concursos públicos e admitir novos servidores. Democracia tem disso.

Sugestões, críticas e informações O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.



agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081

Fique Conectado