29 Abril 2017 Written by 

Deputado Chagas Romão (PMDB) conversou com o deputado federal Flaviano Melo (PMDB), antes da votação da Reforma Trabalhista. Praticamente implorou que Flaviano e Jessica Sales (PMDB) votassem contra ou não comparecessem à sessão.

Eu...

Deputado Chagas Romão (PMDB) conversou com o deputado federal Flaviano Melo (PMDB), antes da votação da Reforma Trabalhista. Praticamente implorou que Flaviano e Jessica Sales (PMDB) votassem contra ou não comparecessem à sessão.

... não

De nada adiantaram os pedidos. Os dois pagaram para ver. Chagas Romão, que se posiciona contra todas as reformas que prejudiquem a população, já informou que, se o Governo do Estado enviar a Reforma da Previdência estadual para a Assembleia, votará contra.

Tortura ...

PMDB em peso festejava o percentual de 18% de Wagner Sales para o Senado em recente pesquisa divulgada esta semana. “Ele nem tá fazendo campanha”, diziam com os olhinhos brilhando...

... dos números

Ocorre que, na pesquisa que Wagner tem 18%, Jorge Viana (PT) aparece com 38,40% e em outra onde Sanderson Moura arrebenta a boca do balão com 40,7%, Jorge Viana tem 9,4%.

Cedo

Por isso, é difícil acreditar em pesquisa encomendada por políticos. Nelas, os números são torturados até darem o resultado desejado por quem encomendou. Além disso, falta mais de um ano para a eleição. Muito cedo para prognósticos.

Manipulação?

Essa pesquisa que apresenta mais de 40% para Sanderson Moura, dizem, foi encomendada pelo senador Gladson Cameli (PP). Tem resultados completamente diferentes. Ney Amorim, que na da Data Control aparece com 9,40% das intenções de voto, na outra aparece com o dobro, 18,7% e Marcio Bittar (PSDB) que na Data Control tem 20%, na outra não chega a 5%.

Peixes avulsos

O REDE de Marina Silva está pescando em águas rasas, profundas e até no pântano. Dessa REDE não escapam nem os tubarões, nem os peixinhos miúdos. O critério vai do destaque nacional à conta bancária. Convidaram o Deltan Dallagnol e o Adem Araújo...

Transparência

A Câmara de Vereadores da Capital faz uso de um expediente esquisito. Por força de Lei, publica no site os gastos. Mas, publica, por exemplo, os gastos com combustível, dos vereadores e da Câmara, sem especificar nada. O que torna impossível saber quanto cada um gastou.

Sugestões, críticas e informações O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.



agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081

Fique Conectado