Sábado, 15 de Junho de 2019
20 Maio 2019 Written by 

A divulgação de novas cenas de esquartejamento de um jovem faz a sensação de segurança ir à lona, e com isso, vamos nos enlameando no sangue de uma juventude sem perspectiva

QUEDA

A LDO que foi enviada para a Aleac e que tem cerca de 60 dias para ser apreciada traz uma leitura realista da economia. A previsão é de queda de receita: R$ 5,9 bilhões. O documento do ano passado estimou algo m torno de R$ 6,2 bilhões para este ano de 2019. A Sefaz ainda não revisou, oficialmente, o dado para este ano. No ritmo que a economia está, é capaz que haja queda também.

TENSÃO

Na semana passada, a equipe de tributação da Sefaz estava em um grau de tensão preocupante. Quem precisava de alguma informação ou tentava se aproximar sentia o nervosismo no ar. Equipe de tributação nervosa não é bom sinal para os cofres públicos.

FIEAC x SEBRAE

Palácio Rio Branco deve anunciar a retirada de uma espinha que estava atravessada na garganta.

NOVAMENTE

A divulgação de novas cenas de esquartejamento de um jovem faz a sensação de segurança ir à lona. A expectativa é de que revanches ocorram. E, com isso, vamos nos enlameando no sangue de uma juventude sem perspectiva.

INVESTIMENTO

A Confederação Nacional dos Municípios divulgou os números sobre capacidade de investimentos das cidades brasileiras. Há queda. Em 10 anos, passou de 10,3% para 6,6% ano passado. Isso mostra uma capacidade de gestão limitada e com o planejamento sem nenhuma força como instrumento de administração. Tudo é feito para o curtíssimo prazo. Nada é estratégico. A municipalização dos serviços públicos é uma realidade que não se reflete nos cofres dos municípios.

RIO BRANCO

Rio Branco é uma cidade que reflete esse problema como poucas. Não se difere de outras capitais. O pacto federativo dificilmente privilegia os municípios.

BRASÍLIA

Governador Gladson Cameli segue para Brasília no início da semana acompanhado da secretária de Estado de Planejamento e Gestão, Maria Alice, para tentar conseguir mais recursos para o Acre. Bom lembrar que a segunda Reforma Administrativa do Governo do Acre prevê a retomada dos trabalhos do escritório de representação do Acre em Brasília.

ATRASO

63 milhões de brasileiros estão com dívidas em atraso. O número é do Serasa que acompanha e formula os dados desde 2016. 40% dos adultos do país não conseguem pagar as contas em dia. Isso, associado ao desemprego e com queda no nível de confiança dos empregadores, é uma bomba para a perspectiva de melhora na economia.

Sugestões, críticas e informações O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.



agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081

Fique Conectado