Você está aqui: Home Polícia IML registra 10 entradas de corpos de vítimas de assassinato

Polícia

IML registra 10 entradas de corpos de vítimas de assassinato

Registro é referente aos 10 primeiros dias de 2017

Nos primeiros 10 dias do ano de 2017 foram registrados cerca de 18 assassinatos no Acre. Nos casos as vítimas foram mortas por arma de fogo ou arma branca.

Desde o dia 1° deste mês o número de obituário do estado só vem crescendo, no sistema Instituto Médico Legal da capital 10 registros de entradas de corpos de vítimas de assassinato.

Na maioria dos casos a polícia acredita que os casos tenham ligações com organizações criminosas.

O primeiro corpo a dar entrada no IML foi o de Genilson de Lima Escobar, 32 anos, morto a facadas em Senador Guiomard. De lá para cá os homicídios não pararam sendo registrado pelo um óbito por dia.

Veja lista de mortos de acordo com dados do sistema do IML:

Auricélio de Oliveira, 32, morto dia 2, por arma branca em Acrelândia; José Reginaldo Tavares, 37, dia 2, morto a facadas dentro do Presídio Francisco de Oliveira Conde; No dia 3, ambos assassinados a tiros, Geovane França, 22, no bairro Estação Experimental e Cleonaldo Barboza, em Cruzeiro do Sul; Emerson Camurça, 30, morto a tiros, na Estrada da Sobral, no dia 4; Arquineldo Bezerra, 36, ferimento por arma de fogo, bairro da Pista, no dia 6; O adolescente Iranilson Ferreira, 17 anos, morto a facadas no bairro Miritizal no dia 8; E mais dois mortos nesta segunda (dia 9) ambos a tiros, Mateus Silva de Andrade, 18, no bairro Plácido de Castro e José da Cruz, 42, no ramal do Panorama.

Outros 8 homicídios foram registrados, mas a entrada dos corpos no IML não foi lançada no sistema.

agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081

Fique Conectado