Você está aqui: Home Polícia Nas prisões, reforço de agentes penitenciários

Polícia

Nas prisões, reforço de agentes penitenciários

Oitenta servidores foram alocados para penitenciárias

Com uma ação voluntária, agentes penitenciários reforçam a segurança em unidades prisionais de Rio Branco. A iniciativa pretende coibir uma possível rebelião, segundo a categoria.

A associação dos agentes penitenciários convocou e 80 servidores se prontificaram a trabalhar sem nenhuma remuneração, após os ataques criminosos em Rio Branco.
Como a polícia acredita que os incêndios aos coletivos foram em represália à morte de três assaltantes, os agentes apostam na precaução para inibir uma possível rebelião.

Rondas a noite em algumas unidades prisionais estão previstas.

"Aqui na FOC, o maior presídio que tem a gente vai ficar durante a noite. Vamos rodar à paisana e também na UP4 onde aconteceu aquela invasão. E também na unidade UPQ, do Quinari, que é um presídio isolado e precisamos guardar os presos que estão lá e também nossos companheiros que estão lá, que são os agentes penitenciários", afirmou o presidente da Associação, José Janes.

Na tarde desta quarta-feira, um grupo de agentes que atuam na escolta se apresentou no presídio Francisco D’Oliveira Conde.

"O agente penitenciário é muito criticado e muito desvalorizado, muitas vezes por ação de alguns irresponsáveis que fazem besteiras com seu emprego, mas aqui a maioria é de pessoas de família, de bem. Estamos demonstrando que o agente penitenciário não está só preocupado não só com a segurança interna, mas também com a sociedade", disse o servidor De Assis.

Com os voluntários trabalhando nos dias de folga, o número de agentes dentro do presídio é de 120, segundo a associação. O reforço, segundo a categoria, será garantido até a situação normalizar e os agentes prometem atuar inclusive no domingo, dia de visitas.

agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081

Fique Conectado