Você está aqui: Home Polícia Agentes penitenciários querem manutenção das horas extras

Polícia

Agentes penitenciários querem manutenção das horas extras

Protesto paralisou Getúlio Vargas durante manhã

Agentes penitenciários realizaram um protesto na manhã desta quarta-feira em frente à sede do Iapen. Eles cobram a manutenção de uma gratificação extra que era mantida pelo Governo do Acre e foi suspensa. Segundo o presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Acre, Lucas Balzoni, o governo cortou as horas extras.

“Cada agente podia alcançar uma remuneração de até mil e setecentos reais por mês”, frisa Balzoni. “Imagine um furo desse no orçamento do trabalhador”.

O sindicalista lembra também que esse atual quadro de trabalhadores está deficitário. No momento, o Sistema Carcerário do Acre possui aproximadamente 1,1 mil agentes. De acordo com o sindicato, seriam necessários cinco mil. Há quase 10 anos não é feito concurso público para selecionar novos profissionais.

O diretor-presidente do Instituto de Administração Penitenciária, Aberson Carvalho, não recebeu os representantes da categoria. Após recusa, o grupo decidiu fechar a Avenida Getúlio Vargas. O trânsito ficou lento no local.

agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081

Fique Conectado