Segunda-Feira, 22 de Abril de 2019
Você está aqui: Home Polícia PM prende homem acusado de cometer estupros

Polícia

PM prende homem acusado de cometer estupros

Delegada pede a vítima que reconhecê-lo, que denuncie

A Polícia Militar prendeu na tarde de ontem (18) na BR-364 no km 9 um recruta do 7° BEC do Exército Brasileiro com nome de João Vitor da Silva Costa, 22.

Ele é acusado de ter cometido um estupro na tarde da última segunda-feira lá na Cidade do Povo contra uma jovem de aproximadamente 22 anos. Ele estava num veículo tipo CrossFox, cor preta e com um revólver de calibre 38 com a numeração raspada.

A polícia da 2ª Regional foi quem fez a denúncia e agentes da delegacia especializada de crimes contra a mulher DEAM fizeram a investigação até culminar na prisão do suspeito.

Ele foi reconhecido pela vítima.

No sábado (16), João Vitor da Silva Costa, tentou estuprar uma adolescente de 16 anos que estava com uma criança de 4 anos. No momento em que elas foram abordadas pelo suspeito que puxou a arma elas conseguiram fugir.

A polícia também informou que o João Victor da Silva foi detido e encaminhado para o Exército Brasileiro junto com a arma de fogo que estava com ele.

A delegada Juliana de Angelis que investiga o caso diz que a DEAM em conjunto com os investigadores da Delegacia da Criança e do Adolescente realizaram as diligências e lograram identificar esse suspeito. "A partir do momento que ele foi identificado, foram ao local da sua residência, constataram que lá estava o veículo descrito pelas vítimas e feito buscas no local encontraram também a arma de fogo, calibre 38 que ele usou para praticar os crimes", explica a delegada.

"O suspeito aleatoriamente abordava as vítimas na rua, uma foi no conjunto Procon, outra na cidade do povo e sob ameaça de arma de fogo ele as obrigava a entrar no veículo. A adolescente no sábado conseguiu fugir da abordagem, mas infelizmente nessa segunda houve o estupro consumado", declara a Delegada Juliana de Angelis.

João Vitor da Silva Costa vai responder por crime de estupro, porte ilegal de arma e pela Delegacia da Criança e do Adolescente foi instaurado inquérito para apurar a tentativa de sequestro.

É possível que outras mulheres sejam vítimas dele. "A gente pede para quem estiver vendo que tenha conhecimento ou você que foi vítima desse autor que procure a delegacia da Criança e do Adolescente ou a delegacia da mulher para que a gente possa fazer o procedimento para que ele seja responsável por esses outros crimes também" conclui a delegada.

agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081

Fique Conectado