Você está aqui: Home Política Deracre pode perder R$ 94 mi para infraestrutura de ramais

Política

Deracre pode perder R$ 94 mi para infraestrutura de ramais

Caixa Federal passou a exigir drenagem e pontes

A equipe técnica do Deracre decidiu explicar por que o Estado pode perder R$ 94 milhões destinados a melhorias de ramais.

O recurso é oriundo de emenda parlamentar de bancada. O dinheiro, inclusive, já está na conta e o convênio já foi assinado entre o Governo do Estado e o Ministério da Agricultura.

Só que a Caixa Econômica Federal colocou um empecilho: está exigindo que, no projeto para melhoria de quase 5 mil quilômetros de ramais, seja feita a drenagem.

O banco quer a construção de bueiros nos pontos críticos e a reconstrução das pontes, atualmente um dos principais problemas dos produtores rurais.

O diretor-presidente do Deracre, André Mansour, informou que, para as pontes e bueiros, seria necessário o dobro do valor do convênio. “Com 94 milhões de reais só se faria a melhoria do ramal. Inicialmente, o projeto era de 154 milhões de reais. Com o contingenciamento, caíram 60 milhões de reais. Assim, não tem como cobrir todos os quilômetros inseridos no projeto”, relatou.

O diretor disse que nessa sexta-feira vai se reunir com diretores da Caixa Econômica Federal para buscar uma saída. Se não chegarem a um acordo, o Estado vai perder todo esse recurso.

Quanto ao valor da contrapartida, a direção do Deracre explicou que é de um 1% sobre o valor do convênio e esse recurso o Estado já disponibiliza. Agora, dinheiro para reconstruir pontes e bueiros, esse o cofre está vazio. Com isso R$ 94 milhões voltarão para Brasília.

agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081

Fique Conectado