Você está aqui: Home Política Conselho mantém duas chapas na disputa de reitoria

Política

Conselho mantém duas chapas na disputa de reitoria

Votação após 4 horas de muita polêmica entre acadêmicos

A chapa “Ufac com Você”, liderada pela professora Aline Andreia Nicolli e pelo professor Carlos Eduardo Garção de Carvalho, continua a disputa pela reitoria da Universidade Federal do Acre. A decisão foi formalizada após quatro horas de reunião do Conselho Universitário que apreciava pedido de cassação da chapa.

A alegação era de que a professor Aline Nicolli não havia se desimcompatibilizado das funções como exige uma resolução do regimento do pleito. A chapa 2 recorreu. Foi a votação do recurso da chapa “Ufac com Você” que estava sendo avaliado pelo Conselho Universitário. Foram 37 votos favoráveis ao recurso e 27 contrários.

No dia 22 de maio, a Ufac promove eleição para escolha de nomes que serão indicados para compor a lista tríplice para os cargos de reitor e vice-reitor da Universidade. O mandato será de 2018 a 2022. A disputa pelo poder já provoca divisão entre os colegas de trabalho.

Na última sexta-feira, o colégio eleitoral, composto por professores, técnicos, discentes e representantes da comunidade externa se reuniu pra acompanhar a decisão da comissão eleitoral, sobre um recurso apresentado pela Chapa 2, encabeçada pela professora Aline Nicolli e o professor Carlos Garção.

Eles responderam formalmente a um questionamento apresentado pela Chapa 1, formada pela professora Guida Aquino, atual reitora, e o professor Josimar Ferreira. Guida assumiu após renúncia do reitor Minoru Kimpara. De acordo com a chapa 1, Aline Nicolli não havia se afastado das atividades da instituição de acordo com o que rege as regras da eleição.

Para a comissão eleitoral, o fato de Aline não ter se afastado no prazo e ter feito um comunicado por e-mail, impediria a candidata de participar do pleito.
"Irregularidade esta presente desde o dia 5 de maio, data da inscrição das chapas, o que retira à candidata Aline Nicolli o direito de concorrer ao cargo de reitora dessa universidade", anunciou o presidente da comissão.

A advertência feita pela comissão gerou reação entre os conselheiros e plateia geral. Houve bate boca e o clima ficou quente em consonância com a temperatura da sala abarrotada de pessoas.

A comissão também reclamou de agressões verbais recebidas em reunião anterior por membros da chapa 2 e por vídeo conferência, de Cruzeiro do Sul, a candidata Aline protestou alegando que estava recebendo tratamento "diferenciado".

"A resolução não é clara quanto ao tipo de afastamento. Exige um afastamento que não está previsto em lei e nós cumprimos a resolução interna quanto ao afastar-se das atividades internas da instituição seja por meio de férias, seja por meio de reprogramação das aulas", disse Thiago Figueiredo, coordenador de campanha da chapa 2. Segundo ele, "a comissão eleitoral está tentando limitar o direito de participação de Aline e Garção".

Mas para a chapa 1, a intenção não é cassar ou impedir a concorrência, conforme a manifestação que contou até com gritos e aplausos na sala de reunião, a ideia é que a disputa prossiga.

"A gente só fez o pedido da conferência se toda documentação estava de acordo com a resolução. Apenas isso", disse o coordenador da chapa 1, Isaac Silva.

As eleições para indicação de nomes para a reitoria permite que os servidores aptos a votar possam escolher dois candidatos, sem que sejam necessariamente da mesma chapa. A votação tem caráter consultivo para elaboração de uma lista tríplice. Por lei, a Presidência da República é que escolhe o reitor e o vice-reitor.

agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081

Fique Conectado