Você está aqui: Home Política Saída de Manoel Moraes movimenta Mesa Diretora

Política

Saída de Manoel Moraes movimenta Mesa Diretora

Articulações têm como cálculo permanência de Neri na FPA

Mal passou uma eleição e já começa outra na Câmara de Rio Branco. Os vereadores devem escolher até dezembro a nova Mesa Diretora. Por enquanto, a formação das chapas está silenciosa. Quem vem lançando o nome desde o ano passado é Antônio Moraes do PT.

Ele disse que tem carta branca da prefeita Socorro Neri e é o único dos vereadores que consegue juntar situação e oposição. “Meu nome é mais certo para composição e união da Casa. Eu consigo conversar com todos e quero montar uma chapa com as pessoas de todos os lados”, disse.

Quem também está com o nome para apreciação é vereadora Elzinha Mendonça. A vereadora ainda não quer divulgar ou fazer uma campanha velada. Só mostrou seu interesse para os membros da Frente Popular e depende agora de uma autorização dos caciques.

Emerson Jarude, que diz não ser da oposição nem situação, revelou que pretende concorrer à presidência da Casa. Assim que montar os nomes e a estratégia vai falar abertamente sobre o assunto.

Muitos vereadores ainda não querem revelar suas posições quanto à formação da Mesa porque querem esperar um posicionamento da prefeita Socorro Neri.

Uma das apostas na Câmara é saber se a prefeita vai continuar na Frente Popular. Para o vereador Raílson Correia, que até à eleição era da base de Marcus Alexandre, a aproximação de Socorro Neri e Gladson Cameli será natural, até porque a prefeitura vai precisar receber ajuda do governo para muitos projetos e programas.

“A prefeita Socorro Neri já foi da oposição. Em seguida, migrou para a Frente Popular e agora, com a pressão dos petistas na prefeitura, pode mudar de lado. Vamos esperar”, avaliou.

agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081

Fique Conectado