Domingo, 22 de Setembro de 2019
Você está aqui: Home Política Estado anuncia compra de alimentos da agricultura familiar

Política

Estado anuncia compra de alimentos da agricultura familiar

Serão investidos 1,3 milhão na compra direta com os produtores

O Programa de Aquisição de Alimento foi instituído em 2003 pelo governo federal. A lei 10 mil 696 regulamenta a compra de alimentos da agricultura familiar, sem licitação, quando destinados a pessoas em situação de insegurança alimentar ou a entidades da rede socioassistencial.

Na prática, significa dizer que todas essas verduras, legumes e frutas saem direto, lá das terras aonde são cultivadas, e sem a presença do atravessador, vão ser entregues as instituições cadastradas.

Em Rio Branco essa compra ocorre por meio de editais que são publicados pelo menos uma vez por ano. Durante cinco semanas, instituições, como educandário, escolas, cooperativas e centros de atendimento, recebem um reforço para a alimentação, mas a proposta do governo, é ampliar a quantidade de editais para programas dessa natureza.

“Me diga o que o Estado pode fazer, em termo de condições, para que possamos dar mais condições para eles, então, a nossa ideia é ampliar, tanto que eu determinei já para as secretarias do governo que todas priorizem na hora que for comprar, comprar com eles”, disse o Governador, Gladson Cameli.

“Hoje muitas instituições compram 30% pelo VAA e nós vamos ampliar isso. O importante é que dentro do agronegócio você crie vários canais de comercialização, o mais difícil e o que trava a agricultura não é a capacidade de produzir, o produtor sabe produzir, ele precisa escoar, ter crédito, ter demanda”, falou o Secretário de Produção e Agronegócios, Paulo Wadt.

Nessa etapa, o governo investiu cerca de R$ 1 milhão e 300 mil reais na compra direta com os produtores. A proposta desse programa beneficia toda uma cadeia. O estado incentiva a produção familiar. Os produtores têm venda certa e as instituições contempladas, ganham um reforço extra para a alimentação.

“Esse daqui é um programa para produtor, para produtor da agricultura familiar porque é a garantia que nós temos de estar produzindo com a garantia da venda do nosso produto, do bem comprado e nós não temos a disputa com o atravessador”, ressaltou a produtora rural, Fátima Maciel.

“Veio acrescentar mais na alimentação das crianças na escola, elas gostam muito, elas comem e não estragam por ser uma coisa que elas gostam”, conclui a coordenadora de ensino, Rita de Cássia.

agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081



Fique Conectado