Do anonimato ao ápice do sabor: jaca

Como muitos sabem, sou professora e coordenadora do curso de gastronomia em uma instituição de ensino superior do Acre. E não só como Chef, mas como professora, é notório a necessidade de fazer com que os alunos compreendam a necessidade de valorizar alimentos, que por diversos motivos são poucos usados, no entanto, de fácil acesso. É lastimável avistar manga, jaca, banana, inhame e outros alimentos se estragando pelo fato de “não serem bonitos” ou até mesmo “não serem gostosos”. Dessa forma, em uma aula ministrada com os alunos do segundo período foi lançado um desafio, no qual os discentes escolheriam um alimento “pouco usado”, e o trabalhariam como prato de entrada, principal e sobremesa, provando que, todos os produtos podem sim ser bonitos, gostosos e ter baixo custo benefício, o que resulta diretamente numa supervalorização do alimento.

Foi o caso da aluna Helen Nanda Oliveira Correa de 19 anos, aluna do curso. O produto que a discente escolheu para supervalorizar foi a jaca, fruto da jaqueira. Árvore tropical trazida da Índia para o Brasil no século 18. É uma árvore que chega a 20 m de altura, cultivada em toda região Amazônica e toda a costa tropical brasileira, do Pará ao Rio de Janeiro. O fruto chega a pesar até 15 kg. É um alimento rico em carboidratos, mineiras, como cálcio, fósforo, iodo, cobre e ferro. A mesma contém vitaminas A, C e do complexo B.

Pode ser consumida in natura, cozinha, na preparação de doces e geleias. As sementes, sem pele e cozinhas também podem ser consumidas como tira-gosto. O bagaço da fruta é utilizado na preparação de sucos, geleias e doces.

Helen Correa cita que, “A atividade foi desafiadora” e comenta também que “Senti muito orgulho de mim por conseguir sair da minha zona de conforto, foi uma experiência incrível”.

 Já o aluno Carlos Sandro descreve sua experiência da seguinte forma “Como posso descrever essa experiência? Incrível ao descobrir que temos tanta fartura e não sabemos aproveitar! Achei maravilhoso ao descobrir um prato delicioso que podemos adaptar a nosso cardápio alimentar.

Uma moqueca de jáca, amo as combinações de cores, temperos, sabores.  A melhor hora de tudo que achei tudo incrível é a hora do preparo: combinar ingredientes, se deliciar com o aroma ver todos os ingredientes dando vida e um sabor inesquecível.”

A estudante desenvolveu para entrada um fricassê de jaca, como prato principal ela elaborou uma moqueca de jaca com arroz de castanha e para finalizar, elaborou como sobremesa uma mousse de jaca. Ela também deu a dica da receita, é só seguir o passo a passo.

RECEITA

ENTRADA – FRICASSÊ DE JACA

INGREDIENTES:

  • 1 fio de azeite
  • 2 xícaras de cebola
  • 2 colher de alho
  • 1/4 xícara de azeitona
  • 2 tomates
  • 1 pimenta dedo de moça
  • 1 xícara de palmito
  • Salsa
  • Pimenta do reino
  • 2 xícaras de castanha de caju
  • Água
  • Pimenta do reino
  • 2 xícaras de milho

MODO DE PREPARO:

  • Aqueça a panela e acrescente o azeite, a cebola e o alho deixem-no dourar;
  • Depois que dourar acrescente os tomates e a pimenta dedo de moça;
  • Depois de 5 min acrescente o palmito a pimenta do reino e a azeitona.

Modo de preparo do creme de milho:

  • Acrescente as castanhas, a água, a pimenta do reino e o milho no liquidificador e bata por 5 minutos;
  • Em seguida acrescente o creme a mistura da panela e deixe cozinhar por 5 minutos;
  • Após cozinhar, coloque em uma forma untada, acrescente queijo por cima e leve ao forno pré-aquecido por 15 minutos.

PRATO PRINCIPAL – MOQUECA DE JACA

INGREDIENTES:

  • 2 limões
  • 1 pote de Palmito
  • 3 tomates
  • 1 maço de cebolinha
  • Salsinha a gosto
  • 2 cebola de cabeça
  • Alho a gosto
  • 1/2 colher de Colorau
  • Sal a gosto
  • 3 colheres de óleo
  • 200ml de leite de coco
  • Camarão
  • 500 G arroz
  • 200 G de castanha de caju
  • Água fervendo
  • Alho
  • Manteiga

MODO DE PREPARO ARROZ

  • Bata no liquidificador 100g de castanha de caju.
  • Com a água já fervida, torre em uma panela o alho com um fio de óleo, em seguida, acrescente o arroz e deixe torrar.
  • Adicione a água no arroz junto com a castanha triturada.
  • Em uma panela, torre o restante da castanha com manteiga.
  • Adicione a castanha com a manteiga ao arroz quando o arroz estiver pronto.

MODO DE PREPARO DA MOQUECA DE JACA

  • Coloque a jaca de molho no caldo de três limões
  • Aqueça a panela e acrescente o óleo, a cebola de cabeça e o alho deixe dourar;
  • Em seguida, acrescente os pimentões cortados em tiras grandes e o tomate e deixe cozinhar por 20 min;
  • Depois de cozido os pimentões acrescentem os camarões para agregar gosto a maqueta e deixe cozinhar mais um pouco;
  • Depois acrescente a jaca e o colorau deixe cozinhar por mais 5 minutos;
  • Por último, corrija o sal, acrescente as verduras e coloque o leite de coco.

SOBREMESA – MOUSSE DE JACA

INGREDIENTES:

  • 1 lata de leite condensado
  • 1 lata de creme de leite
  • A mesma medida de leite
  • A mesma medida de jaca
  • 1 gelatina sem sabor

MODO DE PREPARO:

  • No liquidificador acrescente todos os ingredientes e bata;
  • Em uma panela com água quente dissolva a gelatina;
  • Em seguida vá colocando aos poucos no creme enquanto ele bate;
  • Despeje no recipiente de sua escolhe e coloque para esfriar.

2 Comentários

  1. Parabéns a aluna! Achei realmente incrível a receita. Algo tão pouco valorizado foi transformado em um prato que me deu água na boca! 👏🏼👏🏼

Deixe uma resposta