Como preservar os dados das suas redes sociais

Nos últimos meses eu tenho visto um número crescente de pessoas perdendo seus perfis na bolha acreana das redes sociais. São pessoas físicas, profissionais liberais e até mesmo negócios que, de uma hora para outra, ficam sem acesso, impedidas de visualizar e publicar conteúdos.

Em alguns casos isso se deve à atividade de cibercriminosos que, em busca de perfis com um alto número de seguidores, roubam essas contas na intenção de, posteriormente, aplicar golpes em outros desavisados. Em geral, para roubar contas esses atacantes se valem de senhas de fácil adivinhação ou golpes de engenharia social – quando tentam convencer o dono da conta a fornecer suas senhas.

“Minha senha é difícil e eu não sou facilmente enganado, então minhas redes sociais estão seguras”, algum leitor desavisado pode vir a pensar.

Acontece que, ao contrário do que a maioria pensa, muitos dos recentes casos de perda de perfis não se devem a ataques. Nessas situações, as redes sociais simplesmente desativam o perfil – assim: sem mais, nem menos.

Às vezes isso ocorre após um perfil ser denunciado por alguém, à rede social, de forma indevida. Noutros casos, são os sistemas de inteligência artificial das redes que, erroneamente, detectam conteúdo malicioso onde não existe, e acabam por tomar medidas drásticas como suspensão ou banimento da conta.

Num caso recente, vi um médico que atuava no Acre quase perder um perfil profissional, no Instagram, que já contava com mais de 30 mil seguidores.

Quer você use as redes apenas por lazer, quer as utilize profissionalmente, imagine a situação. Perder um perfil onde você dedicou várias horas do seu tempo produzindo conteúdo – publicando fotos, vídeos, stories -, e de uma hora para outra todo esse trabalho se perder.

O caso que mencionei foi no Instagram, mas isso não é exclusividade dessa rede. Situações semelhantes acontecem por toda a internet: desde o Facebook, passando pelo Twitter, até redes como o YouTube.

Para citar um caso recente e que envolve números alarmantes, na manhã de hoje, dia 9 de novembro, o YouTuber GamerPatife – produtor de conteúdo há quase uma década e com uma audiência que ultrapassa os dois milhões de inscritos naquela rede -, anunciou que foi notificado pela plataforma sobre o risco de ter sua conta encerrada na rede social. Em suas palavras, “9 anos de trabalho sendo jogado no lixo”.

Cenários como o enfrentado pelo YouTuber são caracterizados por grande insegurança legal e técnica. Se por um lado um usuário que perde sua conta em rede social possui respaldo jurisprudencial para recuperá-la, sabemos bem do desgaste e da paciência necessários para recorrer à justiça neste país. Da mesma forma, as redes sociais tipicamente dificultam que seus usuários entrem em contato e recorram de medidas de suspensão e banimento.

Assim, e com o tanto que depositamos em nossas redes – seja emocionalmente, como aquelas fotos e vídeos que tanto estimamos, ou financeiramente, dada a importância das mídias sociais para os negócios -, é conveniente que estejamos minimamente preparados ante um dissabor desses.

A minha recomendação é simples: façam backup de suas redes sociais. Agora!

Backups são cópias de segurança. E num mundo cada vez mais conectado e dependende das redes, a necessidade é fazer essas cópias não apenas de nossos arquivos e documentos, de computadores e celulares, mas também do conteúdo de nossas redes sociais: fotos, vídeos, stories, posts, comentários, enfim, tudo o que você produziu, publicou e julga importante guardar. Assim, no caso de algum problema, pelo menos os seus conteúdos estão guardados.

Entenda da seguinte forma: publicados, os conteúdos são das redes sociais. Apenas em backup os conteúdos são realmente seus.

O procedimento para se fazer backup difere entre as várias redes sociais. Algumas simplificam nossa vida, oferecendo uma opção para que baixemos facilmente o backup dos nossos conteúdos. Outras demandam que você faça cópias manuais ou conte com a ajuda de serviços terceirizados.

Para receber uma cópia das informações das redes sociais Instagram, Facebook, Twitter e LinkedIn, você deve acessar os links abaixo.

Instagram – Ferramenta de dados

https://www.instagram.com/download/request/

Como faço para baixar uma cópia das minhas informações do Facebook?

https://www.facebook.com/help/212802592074644

Como fazer download do seu arquivo do Twitter

https://help.twitter.com/pt/managing-your-account/how-to-download-your-twitter-archive

LinkedIn – Como fazer o download das informações da sua conta

https://www.linkedin.com/help/linkedin/answer/50191/downloading-your-account-data?lang=pt

Termino repetindo: faça backup das suas redes sociais. Não deixe para depois, sob pena de se arrepender!

Gustavo Cardial é especialista em Computação Forense, mestrando em Ciência da Computação e professor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Acre (Ifac)

01 Comentário

Deixe uma resposta