Aposta de empresários levou Humaitá ao título invicto do 1° turno e calendário cheio na temporada 2022

Clube do interior recebeu investimento financeiro de empresários de fora do Acre

Foto: Assessoria Humaitá

Com a vitória por 2 a 0 contra o Vasco, no estádio Florestão, o Humaitá conquistou o primeiro turno do Campeonato Acreano e vaga nas principais competições nacionais no próximo ano.

O que chamou a atenção no jogo Humaitá e Vasco foi uma faixa exibida pelos jogadores do Cruz de Malta e pelo técnico Oziel Moreira que dizia: “O futebol acreano não pode morrer. Somos pelo fim da ditadura”. Uma crítica direta aos dirigentes da Federação Acreana de Futebol.

Na outra partida disputada simultaneamente, no Arena da Floresta, o Atlético-AC venceu o clássico diante do Rio Branco, por 1 a 0, mas ficou com o vice do turno.

Investimento

A campanha invicta do Humaitá, com 6 vitórias e 2 empates, garantiu ao time do interior do Acre o título inédito e uma vaga na Copa do Brasil e Série D em 2022.

Ainda temos um segundo turno pela frente com o quadrangular decisivo entre Humaitá, Atlético-AC, Galvez e Rio Branco para conhecermos o campeão de 2021.

Mas qual seria a fórmula para que uma equipe modesta como o Humaitá conseguisse um resultado tão expressivo? Gestão eficiente e investimento de empresários de fora do Acre. Com isso, o Tourão conseguiu vaga na Copa do Brasil. A competição organizada pela CBF paga somente na primeira fase cerca de R$ 600 mil.

Ou seja, todo investimento feito no futebol do Humaitá valeu a pena para os empresários que acreditaram no projeto. Futebol se faz com aporte financeiro e organização. Que os demais clubes tradicionais sigam o exemplo que vem de Porto Acre.

Senildo Melo assina a coluna Gazeta Esportiva no site Agazeta.Net e mantém o canal no YouTube Esporte na Veia AC.

Deixe uma resposta