Governo do Estado não está nem aí para os deputados. Prova disso é a LDO que enviou para a Assembleia Legislativa, que tem exatamente o mesmo texto da de 2009, repetido em 2010 e assim sucessivamente até 2015.

Ctrl C

Governo do Estado não está nem aí para os deputados. Prova disso é a LDO que enviou para a Assembleia Legislativa, que tem exatamente o mesmo texto da de 2009, repetido em 2010 e assim sucessivamente até 2015. Em 2016, os deputados fizeram emendas. Mas, a que chegou para orientar os gastos de 2018 é igual às anteriores.

Ctrl V

A impressão que dá é que a equipe do governo nem lê o que sai da Assembleia Legislativa. Fica sugerido que alguém já tem um arquivo pronto, dá “Ctrl C/ Ctrl V” e… “voilà!!!!” Estão prontas a LDO e a LOA.

Minoru…

O reitor da Ufac, Minoru Kinpara é um exemplo perfeito de auto marqueteiro. Ele consegue transformar uma situação negativa em pontos positivos. Vide o escândalo do vandalismo acontecido durante o último sarau. A foto das estudantes limpando as pichações foi tocante!

… prefeito

Nos bastidores políticos, já começa a se formar um movimento para lançar o reitor à prefeito da Capital. As adesões crescem cada vez que um grupo de estudantes conhece as universidades públicas do resto do país. A Ufac é de longe a mais bonita e mais bem cuidada. Não subestimem o reitor.

Agora…

… que não venham se enxerir e perguntar como está o volume e a qualidade das pesquisas da instituição… há exceções, claro. Mas, no geral, a Ufac já pensou mais!

Rolo

Projeto de Lei do deputado Jesus Sérgio (PDT) promete sacudir o Estado. O deputado quer cortar as asas arrecadadoras do Detran, impedindo que o órgão possa apreender carros com o IPVA atrasado. Mexeu com casa de caba, Jesus. O governo do estado nunca vai abrir mão desses milhões. Mas, o povo promete invadir a Assembleia caso os deputados obedeçam ao governo e votem contra o projeto.

Rolo II

De nada adianta tentarem dar uma humanizada no Detran e RBTrans, enquanto a população continuar a ser tratada como bandida com esse monte de blitzen e de guardas de trânsito. Os órgãos de trânsito vão sempre simbolizar a repressão em favor da arrecadação. E isso, ninguém perdoa.

Sugestão

Se as autoridades ouvirem a população, vão comprovar que se transformassem os guardas de trânsito em PM’s, e os colocassem nas ruas para dar segurança à população, receberiam os aplausos do povo.

Contramão

Cobrar impostos, manter repressão sobre a massa pagante que mantém a estrutura pública em tempos de violência sem controle é um tiro no pé. Mesmo por que, enquanto reprimem o trabalhador em blitzen, os bandidos fazem a festa por aí. Livremente.

Sugestões, críticas e informações quentinhasdaredacao@gmail.com

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*