Segunda-Feira, 13 de Julho de 2020
Você está aqui: Home Cotidiano Confeitaria tornou família mais unida durante pandemia

Confeitaria tornou família mais unida durante pandemia

28-05-20 márcia família“É um momento de muita distração para eles”, afirmou Márcia Regina

A paixão de Márcia Regina Ribeiro pela confeitaria tem ajudado ela e a família a enfrentar o isolamento social com mais leveza. O período de reclusão fez com que os filhos, o esposo e os pais, se unissem e começassem a trabalhar juntos.

Ela conta que, com a pandemia, precisou dispensar a secretária que trabalhava com ela e, devido ao crescimento dos pedidos de bolos, a família se dispôs a ajudar. “Somos nós seis, e a gente está correndo atrás, para dar conta. Nesses dois últimos meses tem aumentado a demanda, e é uma produção caseira”, conta.

As tarefas foram distribuídas e a família se tornou uma verdadeira equipe, declara Márcia. “Meu filho fica responsável pelas redes sociais e faz os agendamentos, minha filha começou a fazer bolo no pote e ajuda no atendimento, os meus pais ajudam com a louça e a limpeza. Minha mãe me ajuda com recheios, e meu companheiro ajuda na produção das massas, recheios, e está iniciando na decoração dos bolos também”.

A confeiteira declara que os momentos de produção também geram uma grande interação entre todos eles, e são de extrema importância para o pai, de 73 anos, e a mãe, de 70. “As pessoas falam que estão no tédio na quarentena, na minha casa falta tempo para todo mundo, e é uma diversão. Certamente é um momento de muita distração para eles”, disse.

Amor pela profissão28-05-20 bolo
Márcia é servidora pública e iniciou na confeitaria em 2018, pela necessidade de inovar nas receitas de doces, na própria casa. “Eu percebi que só fazia bolo de cenoura, tentei fazer outro e não deu certo, foi bem frustrante. A partir disso, o meu filho viu que fiquei chateada e me incentivou a não desistir”, relembra.

Com o apoio do filho, ela buscou por cursos de confeitaria e conseguiu uma consultoria com um profissional do Senac. “Terminei a consultoria em um sábado, e aí fiz uma promoção de bolos, porque a gente produziu muitos bolos. Os amigos gostaram do sabor e eu já tinha encomenda para o domingo”.

Ela conta que mesmo com receio iniciou a produção, e desde então concilia as duas funções. Os planos são de expandir o negócio, após o período de pandemia. “A gente trabalha na cozinha de casa, então estamos pensando em ampliar, fazer um espaço só para o nosso trabalho e capacitar alguém para que possa estar diariamente ajudando”, finalizou.

agazeta logotipoAv. Antônio da Rocha Viana, 1.559
Vila Ivonete - Cep. 69.914-610
Rio Branco - Acre
Tel.: (68) 2106-3050
Fax: (68) 2106-3081



Fique Conectado