Prefeitura e Governo buscam soluções para desabastecimento

Decreto foi assinado para iniciar as mudanças em Rio Branco

A Prefeitura de Rio Branco e o Governo do Acre estão em busca de medidas para solucionar problemas de abastecimento de água em bairros da capital.

Um decreto, assinado pelo governador Gladson Cameli e o prefeito Tião Bocalom, tem como objetivo transferir a responsabilidade do serviço de abastecimento de água do estado para o município.

O processo de transição deve durar cerca de seis meses, e se tudo ocorrer dentro dos prazos previstos, ainda este ano a gestão do sistema de água e esgoto da capital retorna para o município.

“A bancada federal já está nos ajudando com recursos, além do senador Marcio Bittar, como relator do orçamento, eles também devem colocar um valor extra”, afirma o Tião Bocalom.