Conmebol realiza sorteio da Copa Sul-Americana de 2021

11-04-21-copa sul americanaCompetição terá fase de grupos pela primeira vez

A Conmebol aproveitou a data de sorteio da Copa Libertadores, sexta-feira (9) para também definir como será a fase de grupos da Copa Sul-Americana de 2021. A disputa dessa etapa da competição está prevista para acontecer entre os dias 20 de abril e 27 de maio. Semelhante ao principal torneio das Américas a Copa Sul-Americana terá 32 equipes divididas em oito grupos com quatro times cada um. Dentro de cada chave as equipes vão se enfrentar em turno e returno, e somente o melhor classificado de cada grupo avança para a etapa seguinte, que será eliminatória contra as equipes que ficarem na terceira posição de cada grupo da Libertadores. Cada participante da fase de grupos irá receber como premiação US$ 900 mil (R$ 5,12 milhões na cotação de hoje). A premiação também será paga após a classificação em cada fase, no total o campeão poderá chegar ao valor de US$ 6,8 milhões (R$ 38,7 milhões na cotação de hoje)

A competição já conta com seis equipes brasileiras, Athletico-PR, Atlético-GO, Bahia, Ceará, Corinthians e Red Bull Bragantino. Santos e Grêmio, em caso de eliminação na fase preliminar da Copa Libertadores, irão fazer parte deste grupo.

O critério utilizado para escolher a ordem do sorteio também foi o ranking da Conmebol, semelhante ao que aconteceu no sorteio da Libertadores. Os oito melhores ranqueados foram escolhidos os cabeças de chave de cada grupo e a partir disso houve o sorteio dos demais.

Veja quais serão os adversários das equipes brasileiras

Caso o Santos não elimine o San Lorenzo (ARG) na fase preliminar da Libertadores entrará no grupo A ao lado de Rosario Central (ARG), Huachipato (CHI) e 12 de Octubre (PAR).

A equipe do Bahia, que participa pela quarta vez seguida da competição, está no grupo B e terá pela frente Independiente (ARG), Guabirá (BOL) e Montevideo City Torque-URU ou Fénix-URU.

O Ceará fará sua terceira participação no torneio, as outras duas foram em 1995 e 2011. O Vozão fará parte do grupo C e irá enfrentar Jorge Wilstermann (BOL), Arsenal (ARG), e o perdedor de Bolívar-BOL x Júnior Barranquilla (COL).

Athético-PR entra na competição buscando o bicampeonato, o Furacão conquistou o primeiro lugar da competição internacional em 2018, ocasião em que bateu o Júnior Barranquilla (COL). O time paranaense vai compor o grupo D se juntando a Melgar (PER), Aucas (EQU) e Metropolitanos (VEN). Caminho relativamente fácil pela pouca expressão dos adversários.

No grupo E o representante brasileiro será o Corinthians. O Timão vai participar da competição pela sétima vez e ainda não foi campeão, o melhor desempenho aconteceu em 2019 quando conseguiu ser semifinalista. Além do time paulista o grupo terá Sport Huancayo (PER), River Plate (PAR) e Cerro Largo-URU ou Peñarol-URU.

O Atlético-GO fará parte do grupo F, o Dragão participou apenas uma vez da competição (2012). O grupo conta ainda com Newell's (ARG), Palestino (CHI) e quem perder de Atlético Nacional (COL) e Libertad (PAR).

O Red Bull Bragantino está no grupo G e fará sua estreia na competição, o Massa Bruta não participa de um torneio internacional há mais de 20 anos. Em um grupo dos mais fortes o time do interior paulista terá como adversários o Emelec (EQU), Tolima (COL) e o Talleres (ARG), clubes que já estragaram a festa de gigantes brasileiros em competições na América do Sul.

No grupo G existe a possibilidade da participação de mais um brasileiro, o Grêmio vai decidir qual competição irá disputar, se a Copa Libertadores ou a Sul Americana. A equipe de Renato Portaluppi, que foi diagnosticado com Covid-19 e segue isolado para tratamento, terá uma dura missão diante do Independiente del Valle-EQU na quarta-feira (14), precisa reverter o resultado negativo do jogo de ida em que foi derrotado por 2 a 1.

11-04-21-copa sul americana final