210519-cotidiano-abandono

Mais de 4 mil beneficiários ainda não sacaram abono salarial

Valor do benefício para este ano é de até R$ 954

Você sabe o que é o Abono Salarial? Então, muita gente ouve falar sobre isso, mas não sabe do que se trata.

“Já ouvi falar nos jornais, mas não me recordo e nem sei muito sobre o assunto”, disse o vendedor, Jeldemar Oliveira.

O benefício do Abono Salarial assegura o valor de um salário mínimo anual aos trabalhadores brasileiros que recebem em média até dois salários mínimos de remuneração mensal de empregadores que contribuem para o Programa de Integração Social (PIS) ou para o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PASEP).

O abono salarial ano base 2017 deve ser sacado até o dia 28 de junho. O valor para este ano é de até R$ 954, o que é equivalente a um salário mínimo, é que o valor a receber é proporcional ao tempo trabalhado.

Para o pagamento do abono salarial ano base 2017, foram liberados para o Acre pouco mais de R$ 40 milhões. 54 mil beneficiados são contemplados, mas pelo menos 10% deles, ainda não realizaram o saque.

Segundo os últimos números divulgados pela superintendência da Caixa Econômica Federal no Acre, ainda faltam 4 mil e 41 benefícios a serem sacados, o que corresponde à quantia de aproximadamente R$ 2 milhões e 500 mil reais.

“Isso provavelmente pode ter sido questão de pessoas que faleceram ou que não correntistas caixa porque os correntistas caixas recebem diretamente na sua caixa poupança ou podem ter cartão do cidadão, mas também não procuraram autoatendimento, uma casa lotérica ou correspondente caixa aqui para verificar o valor que está disponível para realizar o saque”, explicou o Superintendente Regional da Caixa Econômica Federal/AC, Victoram Costa.

Vale lembrar que se você se enquadra no perfil desses trabalhadores com direito a saque do abono, você não pode perder tempo. É que se o dinheiro não for resgatado até o dia 28 de junho, você fica sem o abono referente a esse ano base.

“Esse valor volta integralmente para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) e passa a compor aquele fundo e aí somente no próximo exercício que o beneficiário vai ter direito a sacar esse valor”, concluiu o superintendente.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*