04-06-21 nivel-do-rio

Baixo nível das águas do rio Acre preocupa autoridades

Nível do rio pode chegar a menor baixa história

O período de estiagem, conhecido pelos acreanos como verão amazônico já começou. O nível do rio Acre está abaixo do esperado e não há previsão de chuvas exponenciais, de acordo com o Secretário Municipal de Defesa Civil, Major Falcão, o nível do rio já causa preocupação de uma possível falta de abastecimento e não há perspectiva de melhora imediata.

“Só no mês de maio nós tivemos uma baixa de seis metros no nível do rio, hoje ele está medido 3 metros e 11 centímetros. Nós registramos chuvas no mês de maio bem abaixo do mesmo período em 2020, a previsão futura é que diminua ainda mais, esse cenário só tem a possibilidade de piorar e não de melhorar” afirmou o secretário.

Ainda de acordo com o secretário somente nos municípios de Rio Branco e Assis Brasil o nível do rio está acima dos três metros, em todos os outros municípios está abaixo de três metros e em Brasiléia abaixo de dois metros. Com o nível do rio tão baixo as consequências são diversas.

“Há o risco de desabastecimento nos domicílios, a navegação é prejudicada e aumenta o número de afogamentos porque as praias aparecem com o baixo nível do rio e as pessoas vão tomar banho e acabam se afogando e até chegando a óbito” informou o Major.

De acordo com o secretário não há previsão de melhora antes da chegada das chuvas na segunda quinzena de novembro.

“Ainda estamos no início de junho e a situação é crítica, ainda temos agosto e setembro e podemos chegar à marca histórica do menor nível do rio que foi em 2016 de 1 metro 30 centímetros” concluiu o secretário.

Deixe uma resposta