Banner Cachorro

Cachorro de vítima da enchente desaparece de canil

“Animal foi furtado do Centro de Zoonoses”, diz pedreiro

Por causa da enchente do rio Acre, Sebastião Sales, morador do bairro Ayrton Senna, saiu de casa e se abrigou no parque de exposições. Ele também levou o cachorro, da raça Americano. O animal foi transferido ao Centro de Zoonoses, como comprova recebeu um documento.

Seis dias depois, o pedreiro foi visitar o cachorro. Quando chegou ao local, veio a surpresa. “Quando cheguei, o cachorro não estava mais no canil. Tenho certeza que ele não fugiu”, afirmou.

Há cinco meses, ele não tem nenhuma informação do animal. Nesta sexta-feira, 11, a reportagem de Agazeta.net acompanhou mais uma tentativa do pedreiro em solucionar o problema. Sebastião contou a história de sempre. E também recebeu a resposta de sempre.
“No momento que aconteceu o ocorrido, chamamos a polícia, abrimos boletim de ocorrência e estamos a aguardando a polícia resolver”, explicou Everton Arruda, chefe da divisão técnica do centro de zoonoses.

Sebastião acredita que o cachorro, possivelmente, teria sido furtado. Já a versão apresentada pelo centro é outra. “No abrigo onde o animal estava tinha uma madeira que estava solta. A gente cogitou a hipótese de ele ter fugido”, expôs Arruda.

Sem esperança de rever o animal, o pedreiro espera que, pelo menos, seja ressarcido. Sebastião pagou R$ 4 mil pelo filhote. Receber o dinheiro ainda é incerto, mas de uma coisa, o homem tem convicção. “Nunca mais procuro esse lugar”, finalizou.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*