151117-cotidiano-panetonesalgado-tvgazeta

Chef e instrutor do Senai ensina a fazer panetone salgado

Mistura de sabores está na essência do chef acriano

Na mesa de Natal, não pode faltar o panetone. Ele é tradicionalmente conhecido pelo sabor de frutas cristalizadas ou enriquecido por trufa de chocolate. Mas, o chef de cozinha Tarcísio Futerko, que trabalha com instrutor de gastronomia do Senai, em Rio Branco, ensina uma receita diferente.

O panetone doce dá lugar ao salgado, com recheios de frango, calabresa ou bacon, por exemplo. “Aqui temos a preparação com frango, mas a pessoa pode usar a criatividade pra fazer com o recheio salgado que preferir”, explica.

Os ingredientes são: 500 gramas de farinha de trigo, 75 gramas de açúcar refinado, 150 gramas de batata cozida e amassada, 50 gramas de queijo parmesão, 15 gramas de fermento biológico seco, 10 gramas de sal, 10 gramas creme de galinha em pó, 80 gramas de margarina, 2 ovos, e 350 ml de leite. Para o recheio: 1 seleta de legumes, 1 xícara de azeitonas pretas e verdes sem caroço, 1 xícara de queijo muzzarela, 2 xícaras de frango temperado e desfiado e orégano a gosto.

A dica do chef é fazer uma “esponja” primeiro, uma pré-preparação da massa e que serve para ajudar na levedura do fermento. Usa a metade do trigo, o leite e o fermento. Mistura e deixa descansar por mais ou menos 20 minutos.

Depois é só incorporar os demais ingredientes da massa que sobraram, sovar e misturar os componentes do recheio. Deixar descansar por mais ou menos 40 minutos. A massa vai crescer e nessa hora é feito o corte em quatro partes.

“Em lojas especializadas temos o papel que envolve o panetone. Ele é redondo e vai ao forno. Precisamos dele pra colocar as massas. Faz um rolinho com cada uma delas e coloca nos recipientes de panetone. Novamente vai dobrar de tamanho. Quando chegar na borda é só pincelar com ovo e decorar com queijo parmesão”, explica o chef.

Dependendo do forno, o tempo para assar varia de 30 a 40 minutos a 180 graus. Por fim, é possível cortar o panetone em formato de círculo no meio, parar tirar o miolo e rechear com catupiry, por exemplo. O creme de queijo dá um toque a mais ao prato salgado e natalino.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*