Banner RaquelMoreira

Copa do Mundo: 40 mil turistas devem passar pelo Acre

Secretária espera que visitantes voltem mais vezes

A dois dias para o início do maior evento do futebol mundial, o Brasil aguarda receber, nada mais, nada menos, que 600 mil turistas. As rotas de como chegar ao país são as mais diversas. Uma delas é pela estrada.

A rodovia interoceânica é um desses caminhos que levarão estrangeiros para uma das cidades que sediarão jogos da Copa do Mundo. A estimativa é que 40 mil pessoas passem pelo Acre.

A maioria é formada por colombianos, ao todo, 15 mil torcedores vão acompanhar os jogos da seleção. O mais próximo ocorre em Cuiabá, capital do Mato Grosso. Por lá, o desafio é superar os japoneses.

Como a Colômbia não faz parte do Mercosul, é preciso alguns tramites para entrar no Brasil. Para facilitar todo o processo, o consulado colombiano montou uma base improvisada em Rio Branco.

“Aqui fazemos tudo que é necessário para a permanência em solo brasileiro. Como, por exemplo, a renovação do passaporte”, explica o cônsul-geral da Colômbia no Brasil, Saul Romero.

O espaço fica na sede da secretaria estadual de Turismo e Lazer, Setul. Quem aguardava ser atendido na fila era Dinael e Vladimir Bonilla, pai e filho, respectivamente. Os colombianos moram na capital acreana há oito anos, Eles gostam do Brasil, mas confessam: a torcida é para a Colômbia.

“Se Brasil e Colômbia jogaram, vou torcer para nossa seleção ir para cima. Arrisco um placar de dois a zero”, fala Vladimir. Já o pai é mais cauteloso: “Vou torcer que esse encontro não aconteça, vou ficar muito dividido.”

Apesar do pouco tempo em solo acreano, a secretária estadual de Turismo, Raquel Moreira, enfatiza que esta é a oportunidade de mostrar o Acre para as milhares de pessoas que vão passar pelo estado. “Somos um povo hospitaleiro e temos que aproveitar isso a nosso favor. A ideia é que depois da Copa, os turistas possam voltar mais vezes”, comenta.

Deixe uma resposta