040917-cotidiano-obras-br

Dnit faz mudanças em projeto de reconstrução da BR-364

Adequações atrasaram a obra que deve ficar pronta em 2018

Os serviços na BR-364, de Rio Branco até Cruzeiro do Sul, seguem nos pontos mais críticos.

A obra orçada em mais de R$ 200 milhões segue em duas frentes de trabalho, uma delas com o exército e a outra com a empresa vencedora da licitação.

Conforme o superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes, Thiago Caetano, foram necessárias adequações no projeto inicial, já que a BR apresentou novos problemas. “Uma obra dessa complexidade, quando ela realmente inicia é que os problemas começam a aparecer. A gente quando começou a fazer a obra viu que a estrutura da rodovia que foi entregue ao Dnit era muito pior do que a gente havia planejado inicialmente, com isso pra que a obra avance com qualidade, a gente teve que rever alguns projetos.”

Enquanto o período de chuvas não se intensifica, os trabalhos seguem em ritmo acelerado. O objetivo é deixar a estrada em condições de trafegabilidade quando chegar o inverno amazônico.

O prazo final para a conclusão dos serviços até Cruzeiro do Sul é outubro de 2018, depois disso a empresa tem mais 1 ano e meio para realizar a manutenção da BR.

No perímetro urbano de Rio Branco, Via Verde, a BR também recebe manutenção. O local estava cheio de buracos. Agora, o Dnit reforça a sinalização nesses trechos. “A expectativa até durante o inverno a gente acumular bastante pedra lá no trecho, pra poder no próximo verão a gente concluir todo o trabalho”, concluiu Caetano.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*