271216-cotidiano-eletrobras-tvgazeta

Empresa compensa erro em cobrança da tarifa

Valor total devolvido no país será de R$ 900 milhões

A conta de energia elétrica dos acrianos vai reduzir em 4,1% no mês de abril, segundo informou a Eletrobrás distribuição Acre. O desconto será uma devolução autorizada pela Aneel, devido valores cobrados a mais nos últimos quatro meses.

Segundo o diretor de operação da Eletrobras/Acre, Danilo Klein, os consumidores acrianos vão perceber a redução de 4,1% na tarifa, quando compararem o talão com o mês anterior. O valor total a ser devolvido no país será de R$ 900 milhões.
No Acre, dever ser algo em torno de R$ 2 milhões. A empresa não soube precisar quanto. O valor é correspondente ao que foi cobrado a mais nas tarifas dos consumidores nos últimos quatro meses.

A devolução, portanto, corresponde ao custo da energia proveniente da termelétrica de Angra 3, mas a energia não chegou a ser usada porque a usina não entrou em operação.

“A empresa estava sendo cobrada com energia de Angra, e a Aneel não está reconhecendo esse curso, então esses meses que o consumidor pagou vai ser descontado aquilo que o consumidor pagou”, disse.

O ajuste de tarifas aprovado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) vai atingir 90 distribuidoras do país. Os percentuais de redução na tarifa que será aplicada em abril variam de 0,95% a 19,47%.

“É o impacto dessa energia em cada distribuidora. Tem distribuidora que compra mais, outras que compram menos, então varia de quanto de energia aquela distribuidora tem com Angra 3”, explica.

Em maio, os consumidores acrianos também devem perceber outra redução, que ainda será autorizada pela ANEEL, para corrigir valores cobrados a mais. Mas, a previsão é que seja menor, em torno de 1%, porque deve se referir a um mês de cobrança indevida apenas.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*