Explosão no Depasa deixa eletricista ferido com queimaduras de 3° grau

Acidente aconteceu nesta terça-feira, porém foi divulgado dois dias depois

O eletricista Arnaldo Braga de Moura, de 50 anos, foi trocar uma peça no painel de comando das bombas de captação que ficam no rio Acre, e no momento que estava manuseando algumas peças houve uma explosão e ele acabou levando uma descarga elétrica, afetando as mãos, braços e rostos com queimaduras de 3º grau.

De acordo o operador da estação, Chedi Costa, que estava trabalhando no local na hora do acidente, o eletricista chegou a desmaiar, mas foi reanimado pelos outros servidores que estavam próximos a subestação de energia. “Assim que foi reanimado ele se levantou, mas logo chamamos o Samu, e ele foi para o hospital receber o atendimento médico”.

O mais grave no momento do acidente, segundo testemunhas, foi descobrir que o eletricista não usava Equipamento de Proteção Individual (EPI). De acordo com Costa, o Depasa não está fornecendo esses materiais que garantem a segurança do trabalhador. “Se o eletricista estivesse de luvas e de óculos de proteção não haveria queimadura”.

O acidente aconteceu justamente na hora de uma das várias quedas de energia que ocorreram nessa terça feira (07) em Rio Branco.

Em uma nota enviada a imprensa, o Depasa informou que está apurando as causas do acidente e declarou que o servidor recebeu assistência imediata, já está com alta médica e se recupera em casa. A nota não esclarece se a vítima usava equipamentos de segurança na hora do acidente.

Informações do repórter Adailson Oliveira para a TV Gazeta

Deixe uma resposta