thumb sicoob

Fórum Sicoob Norte fortalece cooperativismo no Acre

Evento contou com 400 participantes de vários estados

“Uma sociedade onde predomina a existência de cooperativas é uma sociedade evoluída”. O depoimento da economista e cooperada Vera Lúcia Gurgel resume o sentimento dos participantes do 4º Fórum Sicoob Norte, que recebeu em Rio Branco de quarta a esta sexta, 18, em torno de 400 pessoas originárias de vários estados brasileiros.  Ela não está só na empolgação que o tema gera em quem atua na área de cooperativismo de crédito. Ser dono do próprio negócio, do próprio banco e ver ideias, projetos e prejuízos sendo compartilhados por grupos cada vez maiores e mais heterogêneos é uma realidade que se amplia cada vez mais em todas as regiões do país.

O tema Inovação, Expansão e Solidez orientou as palestras, painéis e debates promovidos pelos mais expressivos dirigentes do Sicoob, Bancoob e parceiros como Sebrae, Sistema OCB, Sescoop, bandeiras Mastercard, Cabal, previdência Mongeral Aegon, consórcio Ponta e Zurich. O fórum foi realizado na capital do Acre no mesmo período em que a Sicoob lança campanha nacional de mídia para divulgação da marca e na semana de comemoração pelo Dia Internacional do Cooperativismo de Crédito, 17 de outubro, data valorizada ainda pela inauguração da primeira agência Sicoob Credisul de livre adesão.

Acre é espaço aberto para crescimento do cooperativismo de crédito

Incipiente em cooperativismo de crédito, o Acre possui 2,5 bilhões de ativos, sendo que desse total 1,5 bilhão na capital. Para o diretor administrativo da Credisul, Vilmar Saúgo, este é um montante que as cooperativas têm que buscar, valorizando esse espaço que o estado tem para ser explorado.

O presidente da Sicoob Norte e anfitrião do evento, Ivan Capra, avalia o evento de forma bastante positiva e diz que o objetivo que motivou a realização do fórum no Acre foi alcançado. Ele diz que as cooperativas de crédito são o lado bom da força e não há como ficar indiferente a elas.

“Estamos em expansão não só na região Norte, mas em todo o país. Somos as instituições financeiras que mais apresentam crescimento e com solidez, com garantia para o cooperado. E a expectativa é de crescimento também no Acre”, diz Capra, que foi recebido pelo governador Tião Viana, secretários de Pequenos Negócios, José Carlos Reis e de Fazenda, Mâncio Lima Cordeiro nesta sexta-feira para discutir repasses do governo para as agências dos bancos cooperativistas do estado.

A data e local do próximo fórum Sicoob Norte serão discutidos pelo conselho administrativo do sistema em janeiro de 2014. Uma coisa é certa. Até lá, em dois anos, os números serão mais positivos do que os registrados nesta edição. “Cooperativismo é união, é integração. Com o investimento no próprio território, essas ações e recursos tendem a voltar para a própria comunidade. Por isso temos resultantes tão importantes”, finaliza o diretor do Bancoob, Marco Aurélio Almada.

Deixe uma resposta