thumb cartão

Mais de 7 mil podem ficar sem Bolsa Família no Acre

Famílias devem fazer revisão cadastral até dezembro para manter benefício

Mais de 7 mil famílias correm o risco de perder o benefício do Bolsa Família no Acre, segundo balanço parcial do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS).
Essas famílias estão há mais de 24 meses sem atualizar suas informações junto ao Cadastro Único para Programas Sociais do Ggoverno federal. É obrigatório que essas famílias façam a revisão cadastral até o dia 13 de dezembro.
Das 9.526 famílias que precisam atualizar o cadastro no Acre, 7.197 não o fizeram. Segundo o MDS, todas as famílias receberam cartas alertando sobre a necessidade de atualizar os dados. Essa mesma mensagem aparece também no extrato de pagamento do benefício.
Quem recebeu a mensagem deve procurar a gestão do Bolsa Família em seu município. Os Centros de Referência de Assistência Social (Cras) também são locais onde as pessoas podem se informar sobre o assunto.
A revisão cadastral visa garantir a qualidade das informações cadastrais das famílias atendidas pelo Bolsa Família, além do cumprimento das regras do Programa nas áreas de saúde, educação e assistência social. Com as informações atualizadas, é possível avaliar as condições de recebimento dos benefícios e atender com mais eficiência a população em situação de pobreza em todo o país.
No Acre, mais de 74 mil famílias são beneficiárias do programa. Neste mês, o governo federal pagou mais de R$ 15 milhões.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*