MPAC vai investigar possíveis irregularidades na contratação da Ricco Transportes

Um inquérito civil foi aberto nesta quinta-feira, 29 de junho, pela Promotora Laura Cristina

O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC) abriu nesta quarta-feira (29) um inquérito civil para analisar possível irregularidade na contratação emergencial da Ricco Transportes, neste atual momento, a empresa é a única a atuar no transporte público de Rio Branco.

O documento foi assinado pela Promotora de Justiça Laura Cristina de Almeida Miranda considerando “ser incumbência do Ministério Público a tutela dos interesses sociais e individuais indisponíveis, dentre os quais
se inclui o patrimônio público”.

Além disso, o MPAC levou em consideração o “recebimento de expediente eletrônico denunciando possíveis irregularidades na condução do Processo de Contratação Emergencial para transporte coletivo urbano […] o qual culminou na contratação pública da empresa Ricco Transportes e Turismo Ltda, no âmbito da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito – RBTRANS”.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*