30072020-queimadas-tvgazeta

Número de queimadas continua subindo no Acre

Este ano já foram registradas 2.418 queimadas urbanas

Somente este ano, já foram registrados, em todo o estado, 320 focos. Um número 33% maior do que o do mesmo período no ano passado. Na zona urbana, o número é ainda maior. Em 2019, foram 1.109 ocorrências, este ano já são 2.418.

Tarauacá, Cruzeiro do Sul e Feijó somam a maior quantidade de focos. Se o critério de leitura for densidade por quilômetro quadrado, Brasiléia e Rodrigues Alves lideram o ranking.
“É preocupante, porque temos o agravante de uma pandemia e as queimadas acabam contribuindo para o agravamento deste quadro da saúde da população”, comentou o Major do Corpo de Bombeiros, Cláudio Falcão.

O major explica também, que as condições climáticas atuais favorecem as queimadas e, sem chuva, e por questões culturais, a situação pode ficar ainda mais complicada. “A partir dos próximos dias teremos manhãs muito frias e tardes muito quentes, tendo uma variação de 10 a 12 graus na temperatura, isso significa dizer que teremos uma temperatura praticamente deserta propiciando ainda mais o terreno para as queimadas.”

Deixe uma resposta