010817-cotidiano-cartilhamp-tvgazeta

“O que você precisa saber sobre os direitos LGBT”

Cartilha do MP abre XI Semana da Diversidade

Na manhã desta terça-feira (1º), o procurador-geral de Justiça do Ministério Público do Estado, Oswaldo D’Albuquerque, e a coordenadora do Centro de Atendimento à Vítima (CAV), procuradora de Justiça Patrícia Rêgo, realizaram o lançamento da cartilha “O que você precisa saber sobre os direitos LGBT”. O lançamento da cartilha marca a abertura da XI Semana Acriana da Diversidade.

Para o procurador-Geral, o ato visa garantir os direitos da classe LGBT. “O que o Ministério Público está fazendo é garantir dignidade e distribuir cidadania, respeito ao ser humano, respeito a todas as pessoas indistintamente. Respeito à diversidade. A diversidade de opção, diversidade de pensamento, diversidade de gênero”.

Na ocasião, a prefeita em exercício, Socorro Neri, assinou o decreto municipal que garante o direito ao uso do nome social. “No âmbito da gestão municipal, nós estamos fazendo na verdade o que devemos fazer, que é olhar pra cidade como um todo e garantir o direito de todas as pessoas que moram em Rio Branco”.

O presidente da Associação dos homossexuais do Acre (Ahac), Germano Marino, disse que a cartilha pode ajudar a quebrar barreiras e preconceitos. “A cartilha ela vem na necessidade de informar para que a ignorância, que é a base onde nasce o preconceito e a discriminação, seja quebrada, a gente desconstruir muros. Uma cartilha realizada pelo Ministério Público, do Centro de Atendimento à Vítima, ela vem informar sensibilizar para que as pessoas possam dar os mesmos direitos de cidadania aos homossexuais”.

Bruna Rubby foi a primeira transexual a ter sido protegida pela Lei Maria da Penha, após ser agredida pelo companheiro. Ela foi acompanhada pelo Centro de Atendimento à Vítima e hoje foi empossada como servidora pública do MPAC, onde ela deve atuar junto a outros casos parecidos com o dela.

“Para nós, mulheres transexuais, é uma vitória, porque é uma prova de que a gente pode vencer, que os nossos sonhos existem e podem ser realizados”, disse Rubby.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*