160620-tentamen-destruida

Prédio histórico da Tentamen está abandonado e destruído pelos cupins

Local foi recentemente tombado de forma provisória

Fundada em 11 de abril de 1924, a Sociedade Recreativa Tentamen foi o primeiro clube de Rio Branco. Construída toda em madeira e seguindo o modelo dos casarões dos proprietários dos seringais, o espaço de entretenimento era frequentado por comerciantes, seringalistas e autoridades local.

Por muitas décadas a Tentamen foi sinônimo de alegria. Nos anos de 50 e 60 todos os bailes de formatura, jantares com autoridades e até festas juninas eram realizados no prédio. Com o passar dos anos, o estado abandonou o local que serve para contar a história do Acre.

O que um dia foi sinônimo de prosperidade, agora é marca da irresponsabilidade e descaso com os prédios públicos. As portas e janelas estão desmanchando com a ação dos cupins e dos vândalos. O que a ação do tempo não destruiu, foi furtado.

Ao lado do prédio existia uma pracinha, no entendo, agora só existe o concreto. As autoridades matam da memória os fatos que marcaram a sociedade rio-branquense por várias décadas.

O presidente da Fundação Elias Mansour (FEM), Manoel Pedro, afirmou que conseguiu junto ao Ministério da Justiça recursos no valor de R$ 860 mil reais para revitalização do espaço. Falta agora passar por um conselho do ministério que vai decidir se o dinheiro vai ser repassado.

No início deste ano, o governador Gladson Cameli assinou um decreto onde fez o tombamento provisório da Tentamen. Mas, a ação de tombamento foi iniciada no ano de 2010, e até hoje nada foi decidido. Enquanto isso, o prédio foi completamente destruído.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*