150319-reuniao-educacao

Professores negociam com a prefeitura de Epitaciolândia

Greve suspensa e aulas começam no dia 18

Os professores do município de Epitaciolândia decidiram não iniciar o ano letivo de 2019 e estão em greve desde a última segunda-feira (11). Na manhã desta sexta-feira (15), representantes da categoria e do poder público se reuniram na prefeitura na para negociar.

O Servidores em Educação reivindicam melhorias salariais, reposições de perdas e aprovação do PCCE. Atualmente a prefeitura de Epitaciolândia paga R$ 1.600,00 aos professores, enquanto o piso salarial do nível básico é de R$ 2.247,00 no restante do estado. “O nível superior… menor que o piso do magistério dos outros municípios”, reclamou a presidente do Sinteac, Rosana Nascimento durante a reunião.

Além disso, eles pedem auxilio alimentação no valor de R$450,00. A contraproposta da prefeitura é de R$ 250,00. 

Enquanto as negociações continuam na prefeitura, os professores aguardam o resultado do lado de fora do prédio.

Ao fim das negociações , a prefeitura resolveu ceder e garantiu o pagamento do auxilio alimentação aos professores de R$ 400,00. Ficou definido ainda, que as aulas devem iniciar na próxima semana, no dia 18.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*