Projeto Cidadão abre 300 vagas para casamento coletivo em Rio Branco

A cerimônia tem data definida para ser realizada, será no dia 9 de dezembro

O Tribunal de Justiça do Acre (TJAC), através do Projeto Cidadão, promoverá mais um casamento coletivo. Somente este ano, a ação já atendeu casais em oito municípios acreanos: Assis Brasil, Porto Acre, Acrelândia, Sena Madureira, Feijó, Tarauacá, Manoel Urbano e Mâncio Lima e agora, chegou a vez de Rio Branco.

Para esta edição, a equipe do Projeto Cidadão do TJAC, vai disponibilizar 300 vagas. Além disso, a cerimônia tem data definida para ser realizada, será no dia 9 de dezembro.

Para ter acesso ao projeto, é preciso, antes, realizar a inscrição. Essa etapa ocorre entre os dias 17 e 21 de outubro, no fórum Barão do Rio Branco. Mas é preciso ficar atento ao prazo e a documentação exigida.

O noivo solteiro precisa apresentar a Certidão de Nascimento original, comprovante de endereço, RG e CPF. Para quem for divorciado, deve apresentar a Certidão de Casamento original com Averbação do Divórcio, cópia do processo ou sentença do divórcio, comprovante de endereço, RG e CPF.

No caos de menor de idade é preciso ter entre 16 a 18 anos incompletos, e apresentar a Certidão de Nascimento original, comprovante de endereço, é necessário, ainda, a presença dos pais portando RG e CPF. Caso o responsável seja falecido, é necessário apresentar Certidão de Óbito.

Em caso de pais ausentes, apresentar consentimento por escrito do responsável. É importante ressaltar que todas as certidões precisam estar atualizadas.

O atendimento para a entrega da documentação será das 08h da manhã às duas da tarde, mediante entrega de senha distribuída por ordem de chegada.

Com informações de Débora Ribeiro para TV Gazeta

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*