thumb fecomercio

Quase 50% dos empresários querem abrir vagas no mercado

Vendas devem melhorar entre outubro e novembro

Os empresários acreanos estão confiantes com as vendas e empregos para o fim do ano, segundo pesquisa do Instituto Fecomércio de Pesquisas Empresariais do Acre (Ifepac).
Apesar do impacto negativo do processo inflacionário verificado no país inteiro, 81% dos empresários do comércio de bens e serviços acreditam que as vendas vão melhorar entre outubro e dezembro.
Diante da expectativa, 59% dos entrevistados acham que as vendas nesses meses vão superar as vendas dos mesmos meses do ano de 2012, mesmo não alcançando níveis já registrados nos mesmos períodos de tempos anteriores.
Indagados quanto à intenção em contratar empregados para serviços temporários, 46% responderam que estão propensos a abrir vagas. Destes, 45% devem contratar até cinco pessoas. Já 55%, embora com intenção positiva, não quantificam.
Conforme os dados, 19% que devem abrir vagas para empregos temporários demonstram preferência para a atividade de vendedor. Todas as atividades apontadas como passíveis de contratações devem ser remuneradas com até dois salários mínimos mensais, mais os encargos trabalhistas e previdenciário fixados em lei.
Como atrativo para as pessoas interessadas, 15% dos empresários planejam acrescer até 3% na forma de comissão sobre as vendas. Também 39% pretendem conceder oportunidade para pessoas que cursaram o ensino médio.
A pesquisa foi realiza no período de 9 a 20 de setembro com 187 empresários de Rio Branco na intenção de avaliar a expectativa de vendas e empregos para o fim do ano.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*