220118-cotidiano-rio-madeira

Rio Madeira volta a subir e se aproxima de 21 metros

Órgãos públicos continuam monitorando situação

Depois de apresentar sinais de vazante, o rio Madeira voltou a subir. Próximo aos 21 metros na região do Abunã, a água está há menos de um metro para alcançar a pista.

O Dnit e as usinas estão monitorando a situação na Vila Mutum, em Jaci Paraná e Porto Velho. Mesmo com a regulagem das comportas, pode ocorrer alagamento. “Se subir mais, em torno, de 50 centímetros, provavelmente vai transbordar sobre a pista,” disse o superintendente do Dnit no Acre, Thiago Caetano.

Na semana passada houve uma reunião em Porto Velho com representantes do Dnit do Acre e Rondônia e diretores das duas usinas, durante o dialogo ficou decidido quais medidas serão adotadas em caso de transbordamento sobre a pista. “Caso seja necessário e ocorra um transbordamento do rio sobre a rodovia, nós vamos adotar medidas similares ao que houve em 2014, que é construção de atracadores de balsas e elevar a rodovia em alguns pontos, para permitir o mínimo de abastecimento ao Acre.”

O projeto para elevação da BR entre a balsa e Porto velho está em análise. Engenheiros do Dnit, em parceria com as usinas, que vão bancar a obra, estudam qual o nível ideal para deixar a BR longe de perigo.

1nivelmadeira220118

2nivelmadeira220118

3nivelmadeira220118

5nivelmadeira220118

 

 

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*