thumb Flor-de-Macambira

Teatro: grupo da Paraíba se apresenta em Rio Branco

‘Flor de Macambira’ acontecerá sábado, na praça da Bandeira

O grupo de teatro Ser Tão Teatro apresenta, neste sábado, 8, às 18h30, na praça da Bandeira, em Rio Branco, a peça ‘Flor de Macambira’. O grupo é de João Pessoa, Paraíba, e está em turnê pelos estados do Norte.

A peça conta a história de amor entre Catirina e Mateus, tendo como trilha sonora o ritmo do bumba meu boi e do cavalo marinho, tocada ao vivo. O texto é de Rosyane Trotta e do Ser Tão Teatro; e a direção é da carioca Christina Streva.

De acordo a diretora, Christina Streva, a peça faz uma trajetória da alma feminina. “A peça é uma fábula brasileira, contada com muita alegria e música ao vivo”, conta Christina.

O grupo escolheu o Acre como primeiro estado da região Norte para receber a turnê. A primeira apresentação aconteceu na última quarta-feira, 5, no município de Plácido de Castro.

“É nossa primeira vez aqui, sempre desejamos conhecer o Acre. Estamos adorando a cidade”, disse a diretora.

O espetáculo faz parte da turnê ‘Flor do Norte’, que já percorreu mais de vinte estados brasileiros e cinquenta e cinco cidades em todo país. A apresentação acontece em ruas e praças públicas e tem entrada gratuita.

Coletivo Ser Tão Teatro

Fundado na Universidade Federal da Paraíba em 2007, o Ser Tão Teatro é um grupo de pesquisa que circulou por mais de 80 cidades brasileiras com seu repertório.  Atualmente, o coletivo é um dos mais admirados e respeitados grupos teatrais do Nordeste. Contemplado com mais de 20 editais públicos de cultura, o Ser Tão Teatro possui sede em João Pessoa, onde desenvolve atividades contínuas de formação de plateia, oficinas artísticas e intercâmbio cultural.

Em novembro de 2011, publicou “Em 3 Atos”, livro que reúne depoimentos, críticas e textos sobre os três espetáculos de repertório do grupo: “Vereda da Salvação”, “A Farsa da Boa Preguiça” e “Flor de Macambira”. Promove anualmente, desde 2008, a Mostra de Teatro de Grupo de João Pessoa que integra coletivos teatrais de outros estados com a cena paraibana e enriquece a vida cultural da cidade com a oferta de espetáculos e oficinas gratuitas.
 

Deixe uma resposta