151117-politica-greveufac-taianelima 410 305

Técnicos administrativos da Ufac suspendem greve

Avanço nas negociações põe fim a greve de 32 dias

Após 32 dias, os servidores técnicos da Universidade Federal do Acre suspenderam a greve. Os 675 técnicos administrativos da Ufac estavam em greve desde o dia 20 de novembro e resolveram suspender o movimento porque avançaram nas negociações e também seguindo o calendário nacional de greve. Eles já organizam uma paralização para os dias 18 e 19 desse mês contra a Reforma da Previdência.

Eles reivindicavam alguns pontos: os servidores são contra a Reforma da Previdência, contra o cancelamento do regime salarial (adiado para acontecer somente em 2019); são contra a Reforma Administrativa que dobra o tempo para o servidor progredir na carreira dentro da instituição: atualmente o servidor tem ganho salarial por progressão na carreira a cada 1,5 ano. Com a reforma, esse tempo dobra.

Os servidores também são contra a quebra da estabilidade do servidor público federal e contra o aumento da alíquota de contribuição previdenciária. Os servidores também argumentam que os acordos mantidos com o governo de Dilma Rousseff não foram mantidos com a atual gestão no Ministério da Educação.

A última paralisação dos técnicos administrativos da Ufac aconteceu em 2016 e durou cerca de 40 dias.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*