26082020-greve-correios

Trabalhadores dos Correios continuam em greve

Caixão foi usado em protesto contra a privatização

Os trabalhadores do Correios permanecem em greve e na manhã desta quarta-feira (26) decidiram usar um caixão para chamar a atenção da população e do Poder Público para as reivindicações do movimento.

De acordo com os grevistas, o caixão simboliza a “morte” da empresa caso ela seja privatizada. “Esse caixão simboliza hoje aqui a sepultura dos Correios, aquilo que aconteceria, queira Deus que não aconteça, caso essa empresa seja vendida, seja privatizada”, disse um dos trabalhadores.

Além de protestarem contra a privatização da estatal e pela manutenção de benefícios trabalhistas, eles reivindicam mais atenção, por parte da empresa, quanto aos riscos que o novo Coronavírus representa para os empregados.

Já são 9 dias de movimento grevista em todo o país.

Ainda nesta terça-feira (26), a empresa emitiu nota informando que havia ajuizado Dissídio Coletivo de Greve já que não teria tido um acordo entre os Correios e as entidades representativas dos servidores. Nesse caso, o dissídio serve para que a justiça defina um acordo entre as partes.

Deixe uma resposta