thumb rondonia

Usinas de Rondônia descartam rompimento das barragens

Representantes garantiram que a situação está sob controle

Durante uma reunião realizada nesta quarta-feira, 19, na sede do Ministério Público do Estado de Rondônia, foi debatido sobre um termo de compromisso  socioambiental que deverá ser assinado pelas Usinas Hidrelétricas de Santo Antônio e Jirau. O objetivo é dar assistência às áreas atingidas pelas cheias do rio Madeira

A reunião foi coordenada pelo Promotor de Justiça do Urbanismo, Átilla Augusto da Silva Sales, e pelos Procuradores da República Raphael Luiz Pereira Bevilaqua e Gisele Dias de Oliveira Bleggi Cunha, com a participação do prefeito de Porto Velho, Mauro Nazif, secretários municipais e estaduais e representantes dos empreendimentos hidrelétricos.

Outro ponto abordado durante a reunião, foi sobre risco de rompimento das barragens. Ao MP, os representantes das hidrelétricas garantiram que a situação está sob controle e que não há risco de rompimento das barragens, pois o empreendimento suporta quase o dobro da vazão atual do rio Madeira.

Segundo a Secretária Municipal de Planejamento, os prejuízos das enchentes estão estimados em R$ 360 milhões, e o Estado está buscando recursos para retirar as famílias das áreas de risco. O número de desabrigados, de acordo com a Defesa Civil Estadual, ultrapassa mais de 1.167 famílias.

Informações do site rondoniagora

Deixe uma resposta