Banner paradaonibus2

Vereadora quer acabar com paradas fixas dos coletivos durante a noite

Objetivo é evitar locais escuros, sem movimento e inseguros

Projeto de lei que tramita na Câmara de vereadores de Rio Branco pede mudança nas paradas dos coletivos a partir da 20h, quando os bandidos assaltam os usuários, cobradores e motoristas. Na verdade, a matéria da vereadora Eliane Sinhasique (PMDB) pretende acabar com os pontos fixos de parada no período noturno.

No texto do projeto, a parlamentar pede que os motoristas parem coletivos onde os usuários pedirem. Dessa forma se evita locais escuros, com matagal por perto e sem movimento.  

Na semana passada, motoristas e cobradores pararam os coletivos por meia hora no terminal urbano para pedir proteção. Quando chega a noite, os profissionais estão com medo de seguir nas linhas dos bairros mais afastados do centro.

As regiões do Calafate e o São Francisco são as mais visadas pelos bandidos, que  assaltam o cobrador, motorista e passageiros.

O projeto ainda vai ser analisado pelos vereadores. Para o líder do prefeito, a matéria precisa ser discutida com a prefeitura e as empresas de transporte urbano, para saber se é viável a mudança, só depois, se decidirá se vai a votação.

Isenção IPTU

Outro projeto que deve ser analisado na próxima semana na Câmara de Vereadores é do Executivo, que isenta 8.000 imóveis do pagamento do IPTU. Todos estão localizados em áreas que foram alagadas pelo rio Acre. A relação desses logradouros já está pronta, e a pessoa, automaticamente, não vai precisar pagar o imposto. Já quem teve a casa cercada pelo rio e não tem a rua incluída na lista pode procurar a prefeitura e pedir a isenção.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*