Cidade de Rio Branco completa 139 anos de existência nesta terça-feira

Capital mais ocidental do Brasil fica localizada às margens do rio Acre

A cidade de Rio Branco completa neste dia 28 de dezembro 139 anos de existência. A capital mais ocidental do Brasil, a 3.030 quilômetros de distância de Brasília, fica localizada às margens do rio Acre. Além de ser o mais antigo núcleo urbano do Acre, logo se constituiu como a maior e mais importante cidade acreana sendo por isso escolhida como a capital do antigo Território Federal e hoje Estado do Acre.

A cidade foi fundada em 28 de dezembro de 1882 pelo cearense Neutel Maia, a partir a criação do Seringal Volta da Empreza, à margem do hoje chamado de calçadão da Gameleira.

A capital acreana ganhou este nome em homenagem a José Maria da Silva Paranhos Júnior, que se tornou amplamente conhecido pelo seu título de nobreza como Barão do Rio Branco. Em 1912 a Vila Pennápolis, que se chamava assim em homenagem ao então Presidente do Brasil, Afonso Pena, teve seu nome alterado para Rio Branco, em homenagem ao diplomata que anexara o Acre ao Brasil.

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a população de Rio Branco é de 419 mil habitantes, fazendo do município a sétima cidade mais populosa da Região Norte do Brasil. A cidade é cortada pelo amazônico rio Acre, que divide a cidade em duas partes denominadas Primeiro e Segundo Distritos. Rio Branco se limita com os municípios de Bujari, Porto Acre, Xapuri, Brasiléia e Capixaba,  Senador Guiomard e Sena Madureira.

Deixe uma resposta