Athletico-PR vence o RB Bragantino e conquista o bicampeonato da Copa Sul-Americana

Furacão se torna a primeira equipe brasileira a conquistar a competição duas vezes

O Athletico-PR conquistou o bicampeonato da Copa Sul-Americana no sábado (20), derrotando o RB Bragantino por 1 a 0, no Estádio Centenário em Montevidéu no Uruguai. Nikão marcou o gol do título da equipe paranaense.

A partida começou equilibrada com ambas as equipes apresentando muita cautela e esperando o momento certo para se lançarem ao ataque. O duelo entre os jovens treinadores Maurício Barbieri e Alberto Valentin foi bem estudado e as equipes ofereceram poucos espaços na maior parte do duelo.

Inicialmente a equipe de Bragança adiantou a marcação pressionando o Furacão, que conseguiu equilibrar as ações ainda no primeiro tempo, e mostrou mais atitude nas jogadas de ataque. Aos 29 minutos de jogo, após chute forte de Terans, Cleiton defendeu e na sobra, Nikão acertou um bonito voleio colocando o Athletico em vantagem.

No segundo tempo o Furacão recuou as suas linhas e atraiu o adversário para o seu campo defensivo. Apesar da postura que resultou na pressão do Massa Bruta o placar seguiu inalterado até o apito final, definindo desta forma o título para a equipe paranaense.

O Furacão conquista o título continental pela segunda vez, fato inédito entre clubes brasileiros. A primeira vez que levantou a taça foi em 2018, quando derrotou nas penalidades a equipe colombiana do Junior Barranquilla. O Rubro-Negro do Paraná ainda pode levantar mais um troféu em 2021, a equipe vai enfrentar o Atlético-MG pela final da copa do Brasil nos dias 12 e 15 de dezembro.

Deixe uma resposta