150517-esporte-quentinhasdaredacao-cedida

Vitória de quem decidiu apostar em jogadores da terra

Galo campeão: a eficácia de investir em novos valores

Pelo segundo ano consecutivo, o Atlético (AC) prova, dentro de campo, que vale a pena investir em jogadores locais.

Com boa parte do elenco constituído de atletas que foram formados nas categorias de base de vários clubes do Acre (Recriança, Juventus e São Francisco), o Galo derrotou o Rio Branco por 3 a 1 e conquistou o inédito bicampeonato acriano de 2017.

Mais que vencer o arquirrival na grande decisão, o Atlético mostrou ao Rio Branco que formar um elenco apenas com jogadores de outros estados (chamados importados), sem apostar em atletas identificados com o clube, os chamados “pratas da casa”, não foi uma escolha bem sucedida.

O Atlético, por sua vez, continuou acreditando na “molecada”. Um time jovem, oriundo dos campinhos da periferia. Meninos que um dia sonharam em vestir a camisa alviceleste; jogadores rápidos e habilidosos.

Eles jogam um futebol simples, mas envolvente. Apesar de não ter formado a maioria dos atletas que compõe o elenco bicampeão acriano, foi no Galo que eles ganharam projeção para o futebol.

Eles foram treinados pelo experiente Álvaro Miguéis, um técnico conhecido muitas vezes pelo temperamento explosivo, à beira do gramado. Mas, que conhece de tática como poucos e soube aproveitar bem o potencial de cada jogador.

O time ainda carece de reforços para a Série D, é verdade. Mas mantém praticamente a mesma base do ano passado, quando chegou até às quartas de final da competição. A torcida vive uma lua de mel com o clube e sonha com o inédito acesso para a Série C, em 2017.

O Rio Branco, que vive um processo de reconstrução com a saída do técnico Cristian de Souza e a chegada de Rene Marques, deve continuar contratando para reforçar setores carentes como a defesa.

Mas, não dá pra dizer que o “Mais Querido” não tenha feito um bom Estadual. O clube segue se fortalecendo na administração do gestor de futebol, Carlinhos Farias. Sua fanática torcida espera por um time mais competitivo e à altura das tradições do clube para a disputa da Série D.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*