110517-esporte-atleticoacriano-tvgazeta2

Equipes reforçam treinamentos para final de domingo

Galo precisa da vitória e Estrelão joga pelo empate

O Campeonato Acriano terá sua grande final neste sábado, dia 13, no Estádio Arena da Floresta. A comissão técnica do Atlético-AC faz os ajustes finais para encarar o Rio Branco. Nesta quarta-feira, o treino aconteceu no campo do Florestão.

Todos os jogadores aptos a entrar em campo no jogo da final. Essa é a afirmação do preparador físico do Atlético-AC, Maurício Carneiro. Segundo ele, quem estava com algum desconforto ou lesão se preparou a tempo. E como fica o atacante Polaco?

“O caso do Jardson é esperar pra ver como é que se sai nos treinos na semana, pra ver se tem condições de jogar sábado. No mais tá tudo tranquilo, a equipe está preparada, só os últimos ajustes no campo nos dias que falta pra final”, disse.

Jardson Almeida, mais conhecido como Polaco, sofreu uma lesão na coxa esquerda no jogo da final do primeiro turno, justamente contra o Rio Branco.

“O nosso fisioterapeuta Leyf pediu para eu treinar hoje, soltar a musculatura, vamos ver no decorrer do treino. Minha vontade é jogar. Ainda mais eu sempre que saiu de uma lesão, sempre querendo jogar. Mas se Deus quiser vai dar pra jogar sábado”, disse.

No jogo do último sábado, o primeiro da final, o Atlético-AC não marcou nenhum gol e o Rio Branco fez um. O autor do gol de honra foi Romário, o mais novo contratado da equipe estrelada. E foi um belo gol, de bicicleta, no último minuto do jogo.

Para o técnico do Atlético, Álvaro Miguéis, o placar do próximo confronto não
importa, desde que o Galo vença. “Nós jogamos duas vezes esse ano pelo empate e agora a situação inverteu. Nós jogamos apenas para a vitória”, disse.

Ao fim do jogo da derrota, o presidente do Atlético Elison Azevedo reclamou da arbitragem. Disse que a equipe foi prejudicada, principalmente por que houve gol anulado.

“Excelente árbitro o Josimar, o Neuricláudio, o Ronei, o Pinheiro, o Carlinhos. Os caras deram um show de arbitragem durante todo o campeonato. Fora os outros mais novos, caso de Antônio José e Marivaldo que apitaram bem. Cada um desses que eu citei se estivesse escalado pra apitar o jogo eu tenho certeza que não haveria nenhum problema”, afirmou.

Enquanto o Rio Branco joga por um empate para ser campeão, o Atlético-AC precisa de uma vitória por dois gols de diferença para conquistar o bicampeonato. A decisão do Campeonato Acriano será neste sábado (13), às 17h (do Acre), no estádio Arena da Floresta.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*